AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






A moda agora é proteger o sistema contra os "corruptos"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A moda agora é proteger o sistema contra os "corruptos"

Mensagem por Admin em Dom Dez 04, 2011 9:39 pm




Essa é a bandeira dos sites sensacionalistas ministrado por certos descontentes com a Congregação Cristã no Brasil e seu ministério central, proteger a "obra de Deus" contra os "corruptos".

A mesma bandeira é levantada por certos integrantes do ministério e membros dentre a irmandade fissurados pela Congregação Cristã no Brasil, proteger a "obra de Deus" contra os "corruptos".


Dois polos diametralmente opostos, a ponta dos extremos, mas algo em comum, pela terceira vez, proteger a "obra de Deus" contra os "corruptos".

Mas o "corrupto" neste caso é aquele que discorda do que EU falo, é contra AS MINHAS decisões, ousa questionar O MEU proceder e se põe NA MINHA frente em determinada ocasião.

Ai sobra troca de acusações:


"Fulano perdeu o ministério por causa disso", diz a ala da direita. "Mas ciclano que esta no ministério faz aquilo", rebate a ala da esquerda.


"Tenho provas que fulano do ministério que se levantou contra a obra fez isso", diz a ala da direita. "Mas o seu cunhado que você sustenta no ministério fez pior, também temos prova", rebate a ala da esquerda.


Cada um com suas provas, seus "dôssies", suas documentações. Cada um questionando a conduta moral do outro. Cada um com a sua "carta coringa na manga".

Para ser alvo de um deles basta falar: "eu discordo de você, vou fazer diferente".

Ai vão investigar sua vida, sugar todas informações possíveis sobre e contra você, montar dossiês, tentar tirar seu ministério e colocar em prática a seguinte filosofia: "O inimigo dele é meu amigo e o amigo dele é meu inimigo".


Duas alas, dois partidos, e muita troca de acusação. Estão saindo na foice, uma verdadeira guerra santa!


Mas não são somente trocas de "elogios" que andam fazendo não. Agora foi aberta a nova temporada do concurso "quem lança a maior praga e maldição contra o seu irmão".


Depois dos acontecimentos que culminou no afastamento de alguns anciães da Zona Norte de São Paulo e, consecutivamente, nas aberturas das ditas CCB's Ministério Jandira o que não tem faltado ultimamente são cooperadores e anciães durante a pregação da palavra (pregação?) usando os púlpitos da Congregação Cristã no Brasil para decretar mortes e lançar maldições contra todos aqueles que estão envolvidos de alguma forma com o aludido movimento - eu mesmo tenho ouvido dos púlpitos onde deveria ser pregada a palavra de Deus algumas pragas que andaram lançando sobre estes irmãos.


Narrarei uma delas:


Na semana passada estive congregado em uma determinada localidade e o ancião que ministrava a "pregação da palavra" (entre aspas), dominado por um discurso inflamado, disse que o último sujeito que ousou "por a mão na obra de Deus" (termo entre aspas, entende-se como "não concordar com o ministério central do Brás em algum ponto") teve a sua lingua saltada para fora da boca ainda presa à garganta encostando o dito órgão na região do peito para ficar de exemplo aos demais sobre o que pode acontecer com aqueles que se "levantarem contra esta obra" (termo entre aspas, entende-se como "fazer algo que o ministério central do Brás não concorda").


No momento em que a maldição foi lançada e o câncer na língua decretado houve um silêncio na igreja mesclado com sussurros de "tem misericórdia" com uma atmosfera de medo e suspense...


Isso sem contar os funerais que estão para acontecer, desgraças, tragédias, acidentes, e catastrofes das mais diversas proporções que certos membros do ministério andaram decretando por ai, à moda bem "profeta de araque" de ser - ou ainda macumbeiro golpel de quinta categoria.


O Evangelho da graça centrada na obra que Jesus Cristo consumou na cruz? Não!


O ensino da justificação pela fé? Não!


O chamado para o arrependimento do pecador e exercício da confiança no Unigênito Filho de Deus? Não!


O clamor para uma vida piedosa, baseada na obediência e cumprimento da Lei amparada no amor? Não!


Jesus Cristo como o único Salvador? Também não, nada disso!

A moda agora é proteger o "bom nome" da Congregação Cristã no Brasil, os alicerces fundamentais que dão roupagem externa à organização, sua liderança central, seu estatuto, suas tradições, seus patrimônios, seus direitos autorais e seus prédios, mas palavra de Deus que produz vida para os ouvintes pode ficar em segundo, terceiro, quarto plano, ou ainda nem aparecer na boca desses "arautos".


Ocupar os púlpitos perante o povo para decretar praga, maldição, morte, tragédia e desgraça em vidas alheias tem sido a regra da vez para certos membros do ministério e seus conhecidos seguidores e opositores.


Falando nisso vamos para o outro lado da moeda.


Como se esqueceram do Cordeiro Santo e Sacrificado que consumou no duro madeiro da cruz uma linda obra e abandonaram o Filho de Deus naquele brejo onde Ele foi morto, não é de se espantar que o "troco" vindo daqueles que andam fazendo oposição ao Brás não sai por menos...


Quanto à "ala esquerdista" não irei me estender muito pois já escrevi algo a respeito em postagem contida neste link.


Creio que deu para perceber a situação caótica o qual nos encontramos, não muito diferente dos acontecimentos tão presente e comum no seio de outras denominações cujos membros e seus principais lideres disputam à tapas e brigas judiciais o controle central e soberano das instituções que pertencem.


Parece ser o fim de muitos sistemas, de muitas igrejas "institucionalizada", de certas organizações. Quando perdem a direção da obra que Jesus Cristo consumou na cruz não lhes restam mais nada a não ser defender templos de "tijolo e cimento", chaves de patrimônios, guerra por espaço, defesa por liberdade camuflada de sensacionalismo de quinta, troca de acusações, dentre tantas outras atitudes inerentes à disputas politicas que permeiam a cristandade.


Mas apesar dos pesares ainda tenho fé que tudo isso vai passar e que Deus fará plena justiça colocando as coisas no seu devido lugar, por amor aos fiéis que verdadeiramente amam o Teu nome, o Teu povo, a Tua palavra e que almejam ardentemente assistir paz nos montes de Sião.


Deus sabe quem é joio e quem é trigo nessa história, seja aquele que se encontra na direita, no centro em cima do muro, ou na esquerda.

Cada um terá a sua justa recompensa das mãos do Todo Poderoso.
Fonte: Site do Ir. Hélio - http://doutrinacristaccb.blogspot.com

Admin
Admin

Mensagens : 3191
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum