AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Predestinados pela religião ou predestinados pelo coração

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Predestinados pela religião ou predestinados pelo coração

Mensagem por Eldier Khristos em Qui Jan 05, 2012 1:14 am



Esaú e Jacó.

Israel e o restante do mundo.

Dois paradigmas para demonstrar o perfeito propósito de Deus, que não julga através da aparência, e sim pelo que contém o coração.

Sobre Israel disse Paulo aos cristãos de Roma:

Digo a verdade em Cristo, não minto; minha consciência o confirma no Espírito Santo: tenho grande tristeza e constante angústia em meu coração. Pois eu até desejaria ser amaldiçoado e separado de Cristo por amor de meus irmãos, os de minha raça, o povo de Israel. Deles é a adoção de filhos; deles é a glória divina, as alianças, a concessão da lei, a adoração no templo e as promessas. Deles são os patriarcas, e a partir deles se traça a linhagem humana de Cristo, que é Deus acima de tudo, bendito para sempre! Amém. " Romanos 9:1 a 5

Mesmo diante da transgressão de Israel, não houve qualquer falha por parte de Deus, continue ligado no raciocínio de Paulo:

Não pensemos que a palavra de Deus falhou. Pois nem todos os descendentes de Israel são Israel. Nem por serem descendentes de Abraão passaram todos a ser filhos de Abraão. Pelo contrário: Por meio de Isaque a sua descendência será considerada. Noutras palavras, não são os filhos naturais que são filhos de Deus, mas os filhos da promessa é que são considerados descendência de Abraão. Pois foi assim que a promessa foi feita: no tempo devido virei novamente, e Sara terá um filho.E esse não foi o único caso; também os filhos de Rebeca tiveram um mesmo pai, nosso pai Isaque. Todavia, antes que os gêmeos nascessem ou fizessem qualquer coisa boa ou má — a fim de que o propósito de Deus conforme a eleição permanecesse, não por obras, mas por aquele que chama — foi dito a ela: O mais velho servirá ao mais novo.Como está escrito: Amei Jacó, mas rejeitei Esaú. E então, que diremos? Acaso Deus é injusto? De maneira nenhuma!Pois ele diz a Moisés: Terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia e terei compaixão de quem eu quiser ter compaixão.Portanto, isso não depende do desejo ou do esforço humano, mas da misericórdia de Deus." Romanos 9: 6 a 16

Deus fez a promessa a Abraão, em isaque toda ela foi considerada, com Jacó tudo se cumpriu. Em tudo isso Deus agiu com extrema justiça, se amou ou rejeitou alguém, não compete ao homem qualquer questionamento.

Deus não escolheu uma denominação específica, ele edificou uma igreja, entretanto, do mesmo modo que ele ama, ele também poderá rejeitar, do mesmo modo que ele executa a misericórdia, também poderá endurecer. Moisés compreendeu toda essa verdade, ele sabia da promessa, ele sabia que Cristo viria, ele sabia que era servo sobre a casa de Deus, até que viesse aquele que verdadeiramente seria Filho, sobre toda a casa de Deus, a saber, o próprio Cristo profetizado por ele.

Moisés foi fiel como servo em toda a casa de Deus, dando testemunho do que haveria de ser dito no futuro, mas Cristo é fiel como Filho sobre a casa de Deus; e esta casa somos nós, se é que nos apegamos firmemente à confiança e à esperança da qual nos gloriamos. Hebreus 3:5-6

Escreveu o apóstolo Paulo sobre os acontecimentos futuros, especificamente da união dos povos:

Portanto, Deus tem misericórdia de quem ele quer, e endurece a quem ele quer. Mas algum de vocês me dirá: Então, por que Deus ainda nos culpa? Pois, quem resiste à sua vontade? Mas quem é você, ó homem, para questionar a Deus? Acaso aquilo que é formado pode dizer ao que o formou: Por que me fizeste assim? O oleiro não tem direito de fazer do mesmo barro um vaso para fins nobres e outro para uso desonroso? E se Deus, querendo mostrar a sua ira e tornar conhecido o seu poder, suportou com grande paciência os vasos de sua ira, preparados para destruição? Que dizer, se ele fez isto para tornar conhecidas as riquezas de sua glória aos vasos de sua misericórdia, que preparou de antemão para glória,ou seja, a nós, a quem também chamou, não apenas dentre os judeus, mas também dentre os gentios? Como ele diz em Oséias: Chamarei meu povo a quem não é meu povo; e chamarei minha amada a quem não é minha amada,e: Acontecerá que, no mesmo lugar em que se lhes declarou: Vocês não são meu povo, eles serão chamados filhos do Deus vivo. Isaías exclama com relação a Israel: Embora o número dos israelitas seja como a areia do mar, apenas o remanescente será salvo. Pois o Senhor executará na terra a sua sentença, rápida e definitivamente." Romanos 9:18 a 27

Será que as denominações se acham feitas de um barro diferente?

O oleiro faz o mesmo barro tanto vasos nobres, quanto desonrosos.

Os vasos desonrosos se tornaram nobres, enquanto os nobres se tornaram desonrosos. Quem poderá questionar as decisões de Deus?

Nós não éramos povo, e fomos feito povo, não tinhamos parte na promessa, agora fazemos parte dela, enquanto que o remanescente de Israel será salvo. Deus é o oleiro que produziu todos os vasos, mesmo aqueles que o desonraram, ele tem suportado com paciência todas as trangressões, simplesmente para que o mundo saiba, que quem verdadeiramente pode amar ou rejeitar, é somente o Deus único e imortal.

Nós todos que cremos no evangelho, somos os vasos que alcançaram misericórdia, chamados para a sua graça, falando tanto dos judeus, como também dos gentios, que na antiga aliança quebrada por Israel, não tinham parte na herança. Mas, agora em Cristo todos nos achegamos a Deus.

Com isso entendemos que não podemos monopolizar o evangelho, assim como fazem as denominações. Veja que Israel não compreendeu o propósito de Deus, e no seu zelo rejeitou ao Criador, mesmo ele tendo destinado a essa nação todas as coisas, inclusive o próprio Cristo, que foi o restaurador da promessa de Deus, conforme está escrito:

Portanto, visto que os filhos são pessoas de carne e sangue, ele também participou dessa condição humana, para que, por sua morte, derrotasse aquele que tem o poder da morte, isto é, o diabo, e libertasse aqueles que durante toda a vida estiveram escravizados pelo medo da morte.Pois é claro que não é a anjos que ele ajuda, mas aos descendentes de Abraão. " Hebreus 2:14-16

Jesus derrotou o diabo, para cumprir todo o propósito do Pai, a fim de livrar tanto Israel, quanto todos os demais povos, que agoram fazem parte do mesmo corpo. Jesus não morreu apenas por uma denominação, ele morreu por todos, que agora tentam servi-lo dentro dessas denominações exclusivistas, que tentam a Deus, questionando as suas escolhas, e até mesmo, desprezando-as.

Sobre o tropeço de Israel Paulo manifestou Paulo:

Como anteriormente disse Isaías: Se o Senhor dos Exércitos não nos tivesse deixado descendentes, já estaríamos como Sodoma, e semelhantes a Gomorra. Que diremos, então? Os gentios, que não buscavam justiça, a obtiveram, uma justiça que vem da fé; mas Israel, que buscava uma lei que trouxesse justiça, não a alcançou. Por que não? Porque não a buscava pela fé, mas como se fosse por obras. Eles tropeçaram na pedra de tropeço. Como está escrito: Eis que ponho em Sião uma pedra de tropeço e uma rocha que faz cair; e aquele que nela confia jamais será envergonhado." Romanos 9:29 a 33

Se as denominações buscarem por obras, certamente tropeçarão, visto que Jesus unificou o amor de Deus, é é justamente pela fé, que podemos reconhecer esse amor e justiça.

Todos vocês são filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus, pois os que em Cristo foram batizados, de Cristo se revestiram. Não há judeu nem grego, escravo nem livre, homem nem mulher; pois todos são um em Cristo Jesus. E, se vocês são de Cristo, são descendência de Abraão e herdeiros segundo a promessa. " Gálatas 3:26-29

Nós fazemos parte da descendência de Abraão, somos herdeiros, participantes da mesma graça, somos mais do que vencedores. Prove se a sua denominação está revestida desse amor, sabendo que Deus rejeitará qualquer tipo de divisão, bem como, qualquer questionamento sobre a razão, da sua justiça ter chegado a todos os povos.

Eldier

Eldier Khristos
Membro

Mensagens : 660
Data de inscrição : 10/07/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Predestinados pela religião ou predestinados pelo coração

Mensagem por Admin em Dom Jan 15, 2012 10:16 am



A doutrina da predestinação é uma doutrina humana, pela qual alguns pensam que Deus escolhe alguns e outros não.

De fato Deus escolheu Jacó.

Mas, qual foi a causa da escolha?

A Bíblia trás a explicação:

" Cuidem que ninguém se exclua da graça de Deus. Que nenhuma raiz de amargura brote e cause perturbação, contaminando a muitos. Não haja nenhum imoral ou profano, como Esaú, que por uma única refeição vendeu os seus direitos de herança como filho mais velho. Como vocês sabem, posteriormente, quando quis herdar a bênção, foi rejeitado; e não teve como alterar a sua decisão, embora buscasse a bênção com lágrimas. " Hebreus 12:15 a 17

Devemos provar se permanecemos fiéis a Deus, se realmente estamos atados com a sua graça, conforme escreveu Paulo a igreja de Corinto:

Examinem-se para ver se vocês estão na fé; provem-se a si mesmos. Não percebem que Cristo Jesus está em vocês? A não ser que tenham sido reprovados! E espero que saibam que nós não fomos reprovados." 2 Cor. 13:5 a 6

Jacó teve fé em Deus, Esaú foi reprovado no quesito fé, demonstrando que não temia a Deus, sendo portanto reprovado.

Quanto a predestinação divina Paulo escreveu sobre Cristo:

E nos revelou o mistério da sua vontade, de acordo com o seu bom propósito que ele estabeleceu em Cristo, isto é, de fazer convergir em Cristo todas as coisas, celestiais ou terrenas, na dispensação da plenitude dos tempos. Nele fomos também escolhidos, tendo sido predestinados conforme o plano daquele que faz todas as coisas segundo o propósito da sua vontade, a fim de que nós, os que primeiro esperamos em Cristo, sejamos para o louvor da sua glória. Nele, quando vocês ouviram e creram na palavra da verdade, o evangelho que os salvou, vocês foram selados com o Espírito Santo da promessa, que é a garantia da nossa herança até a redenção daqueles que pertencem a Deus, para o louvor da sua glória. " Efésios 1:11 a 14

Pela palavra da verdade fomos predestinados, tendo como garantia da nossa salvação: o Espírito Santo. Falando daqueles que realmente tem fé absoluta em Deus.

Todas coisas se cumpriram em Cristo, logo, assim como ele suportou todas as coisas, compete a todos nós, provarmos se permanecemos nessa fé, nesse mesmo Caminho.

Deus é aquele que sonda os corações, foi desse modo que ele escolheu Davi.

O Senhor não vê como o homem: o homem vê a aparência, mas o Senhor vê o coração". 1 Samuel 16:7

Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida." Provérbios 4-23

Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração." Mateus 6:21


Admin
Admin

Mensagens : 3225
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum