AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus: Atos 14

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus: Atos 14

Mensagem por Admin em Dom Ago 19, 2012 12:29 am

Atos dos Apóstolos Capítulo 14

Em Icônio, Paulo e Barnabé entraram juntos na sinagoga dos judeus, e falaram de tal modo que creu uma grande multidão tanto de judeus como de gregos. Mas os judeus que não creram, excitaram e exasperaram os ânimos dos gentios contra os irmãos. Entrando, demoraram-se ali bastante tempo, falando ousadamente no Senhor, que dava testemunho da palavra da sua graça, concedendo que por mãos deles se fizessem milagres e prodígios. Mas dividiu-se o povo da cidade; uns eram pelos judeus, e outros pelos apóstolos. Como houvesse um movimento dos gentios e dos judeus, juntamente com as suas autoridades, para os ultrajar e apedrejar; eles, sabendo-o, fugiram para Listra e Derbe, cidade da Licaônia, e para a circunvizinhança, e ali pregavam o Evangelho. Atos 14:1 a 7

Maravilhosamente cumpriu-se o propósito de Deus em Paulo:”...porque este é para mim um vaso escolhido para levar o meu nome perante os gentios e os reis, bem como perante os filhos de Israel; pois eu lhe mostrarei quanto lhe é necessário padecer pelo meu nome. “ Atos 9:5 a 16

Querido irmão (ã) não é por causa da escolha, que nós estaremos imunes ao sofrimento, isso porém, não afetará a nossa vida, nós que encontramos Jesus, temos o poder favorável da graça, quando Paulo abria a sua boca, multidões se convertiam, como inimigos se levantavam, mas nem mesmo os perigos o intimidavam. No capítulo revelado, confirma o poder do Espírito Santo, tanto o apóstolo como seu companheiro Barnabé, falavam de tal modo que os corações não se continham, provocando ira em muitos corações, para Paulo isso era corriqueiro, a rotina da sua vida, era ter a oposição do mal, por isso não tema irmão (ã), sempre haverá aqueles que vão incitar, ter os ânimos alterados, quando a luz que existe em ti, ofuscarem os olhos deles.

Paulo nada temia:

Entrando, demoraram-se ali bastante tempo, falando ousadamente no Senhor, que dava testemunho da palavra da sua graça, concedendo que por mãos deles se fizessem milagres e prodígios.

Hoje não pelas mãos de Paulo, mas por consentimento do Espírito, milagres e prodígios podem começar acontecer na sua vida. É extremamente importante, por todos os dias da nossa vida, testemunhar os efeitos da graça, as transformações que ocorrem em nosso interior, podem abrilhantar o coração de outras pessoas, não foi assim que aconteceu com Paulo? E onde estiver a unidade, mensageiros da desunião estarão a postos, isso também ocorrerá em nossas vidas, principalmente porque estamos do lado dos apóstolos, eles foram ultrajados em muitos momentos, condenados ao fio da espada, enquanto não era chegado a hora, da partida definitiva deste tabernáculo, Deus concedeu-lhes o escape, isso também está reservado para todo aquele, que não teme praticar a justiça.

Enquanto não é chegada a hora irmãos, nem a doença terminal, pode fazer-nos perecer, veja em quantas situações críticas os apóstolos se envolveram, tendo suas vidas ameaçadas, mas Deus enviou o refúgio necessário, porque na verdade, os capítulos que se escrevem da nossa vida, neles já estão contidos os milagres que iremos receber, os livramentos que irão ocorrer, como também os sofrimentos solitários, todavia, não devemos temer absolutamente nada.


Em Listra estava sentado um homem aleijado dos pés, coxo desde o seu nascimento, e que nunca tinha andado. Ele ouvia falar Paulo, e este, fitando nele os olhos e vendo que tinha fé de que seria curado, disse em alta voz: Levanta-te direito sobre os teus pés. Ele saltou, e andava. A multidão, vendo o que Paulo fizera, levantou a voz em língua licaônica, dizendo: Os deuses em forma humana desceram a nós. Chamavam a Barnabé Júpiter e a Paulo Mercúrio, porque era este quem dirigia a palavra. O sacerdote de Júpiter, que estava em frente da cidade, trouxe para as portas touros e grinaldas, e queria sacrificar com a multidão. Mas os apóstolos, Barnabé e Paulo, quando ouviram isto, rasgaram os seus vestidos e saltaram para o meio da multidão, clamando: Senhores, por que fazeis isto? Nós também somos homens da mesma natureza que vós, e vos anunciamos o Evangelho para que destas coisas vãs vos convertais ao Deus vivo, que fez o céu, e a terra, o mar e tudo o que neles há;o qual nos tempos passados permitiu que todas as nações andassem nos seus próprios caminhos;e contudo não deixou de dar testemunho de si mesmo, fazendo o bem, dando-vos do céu chuvas e estações frutíferas, enchendo os vossos corações de mantimentos e de alegria. Dizendo isto, com dificuldade impediram a multidão de lhes oferecer sacrifícios. Atos 14:8 a 18

Paulo não temendo nada, fez com que seu nome fosse afamado, quando ele executa essa cura maravilhosa, a multidão carente de entendimento, compreende de maneira equivocada o milagre. Irmão de valor aquele que merece, nem sempre aquilo que anunciamos pode vir do coração, Paulo não desejava a glorificação da sua atitude, mas a exaltação do nome que é sobre todo o nome, quando ele percebe que a multidão, está prestes a sacrificar-lhes, como se eles fossem deuses, eles assumem perante todos, que pertencem a mesma natureza humana, o poder que está dentro deles, este sim, é digno de todo o louvor:

"Senhores, por que fazeis isto? Nós também somos homens da mesma natureza que vós, e vos anunciamos o Evangelho para que destas coisas vãs vos convertais ao Deus vivo, que fez o céu, e a terra, o mar e tudo o que neles há;o qual nos tempos passados permitiu que todas as nações andassem nos seus próprios caminhos;e contudo não deixou de dar testemunho de si mesmo, fazendo o bem, dando-vos do céu chuvas e estações frutíferas, enchendo os vossos corações de mantimentos e de alegria."

Essa declaração excede em humildade, o evangelho tem como objetivo, a conversão incondicional do homem, através da misericórdia divina. Todo aquele que compreende a fórmula, passa a crer no Deus vivo, entretanto, enquanto nossa vida permanece acorrentada as coisas fúteis, nossa crença não tem vida. Nós que acreditamos em Cristo, já não podemos andar no curso dos antigos caminhos, a nossa vida já não é nossa, pertence ao Salvador, que veio para preencher o vazio da nossa alma.

Os mantimentos estão chegando irmãos (ãs), a alegria também, sacrifiquem a quem é de direito, somos novas criaturas em Cristo:

Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus antes preparou para que andássemos nelas. “ Efésios 2:10


Saiba que pela defesa da fé, virão os apedrejamentos...


Sobrevieram, porém, alguns judeus de Antioquia e Icônio e, havendo ganhado o favor do povo, apedrejaram a Paulo, e arrastaram-no para fora da cidade, dando-o por morto. Mas quando os discípulos o rodearam, ele se levantou e entrou na cidade. No dia seguinte partiu com Barnabé para Derbe. Evangelizando aquela cidade e tendo feito muitos discípulos, voltaram para Listra, Icônio e Antioquia, confirmando as almas dos discípulos, exortando-os a permanecer na fé e dizendo que por muitas tribulações nos é necessário entrar no reino de Deus. Atos 14:19 a 22

Achou que estava morto irmão (ã)?? O Espírito Santo te levantará, não é chegado a sua hora ainda, lembrem-se também do que aconteceu com Jesus:

Procuravam, então, prendê-lo; mas ninguém pôs as mãos nele, porque ainda não era chegada a sua hora. “ João 7 ; 40

Paulo destemido entrou novamente na cidade, sofrimentos e tribulações não impediam o livro curso da palavra. Todas essas ações se tornaram modelos, para sustentação das gerações posteriores. Irmãos (ãs) os sofrimentos do mundo presente, são o passaporte para a entrada no reino de Deus. Não é que somos destinados a sofrer, em tudo isso a mão de Deus, está levantada a nosso favor.

Como disse Paulo:

Tenho para mim que os sofrimentos da presente vida não têm proporção alguma com a glória futura que nos deve ser manifestada. “ Romanos 8:18



Deus esteja com todos.

Admin
Admin

Mensagens : 2943
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Palavra de Deus: Atos 14

Mensagem por MateusAlcântara em Ter Ago 21, 2012 10:38 am

É irmão, Paulo tinha uma vida de sofrimentos, porém de alegria interior...

São ministros de Cristo? (falo como fora de mim) eu ainda mais: em trabalhos, muito mais; em açoites, mais do que eles; em prisões, muito mais; em perigo de morte, muitas vezes.
Recebi dos judeus cinco quarentenas de açoites menos um.
Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo;
Em viagens muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos dos da minha nação, em perigos dos gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre os falsos irmãos;
Em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejum muitas vezes, em frio e nudez.
Além das coisas exteriores, me oprime cada dia o cuidado de todas as igrejas.
2 Coríntios 11:23-28

Um grande exemplo, né?

Paz de Deus!

MateusAlcântara
Membro

Mensagens : 161
Data de inscrição : 08/03/2012
Idade : 21

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum