AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






De pandemias e pandemônios até a paz

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

De pandemias e pandemônios até a paz

Mensagem por Admin em Sab Out 06, 2012 5:56 am




O apóstolo Paulo confirma que por um homem, o pecado entrou no mundo, obviamente pelo pecado a morte, assim a morte passou a todos os homens, sem direito a isenção.

...porque todos pecaram“ Romanos 5:12


Ele escreveu também, que de fato, até a lei o mal permaneceu no mundo, ele (o pecado) não poderia ser imputado onde não havia lei, isso não interfere na ação da morte, que de Adão até Moisés reinou soberana.

O pecado de Adão foi único, dificilmente alguém pecaria com tal semelhança, ele provocou a pandemia pecaminosa, tão covarde foi sua atitude, que gerou uma comparação da parte de Jó, diante do seu intenso sofrimento, para os amigos que o oprimiam: ”Se como Adão encobri as minhas transgressões, Escondendo a minha iniqüidade no meu seio...” Jó 31:33

A morte reinou de Adão a Moisés, servo fiel do Deus altíssimo, posto sobre toda a casa de Israel, como testemunhador das coisas futuras...”que se haviam de anunciar.” Hebreus 3:5

O pecado de Adão gerou um pandemônio sobre a terra, causou a morte de todos, a intervenção de Deus necessita de urgência, derramar sobre todos o seu Espírito, conceder o maravilhoso benefício da graça, também pela ação de um só homem.


A dádiva não é como por um só que pecou; porque o julgamento veio, na verdade, de uma só ofensa para a condenação, mas o dom veio de muitas ofensas para a justificação. Se pela ofensa de um só reinou por ele a morte, muito mais os que recebem a abundância da graça e do dom da justiça, reinarão em vida por um só que é Jesus Cristo. “ Romanos 5:6 a 17

A falta de um → condenação

A redenção por outro → justificação

Várias foram as ofensas até a consumação.

Aquelo que detinha o poder da morte foi derrotado, isto é, o diabo (Hebreus 2:14), na semelhança da mesma carne, todos fomos redimidos, todos estamos debaixo de misericórdia.

Esse poder ele exerceu em Cristo, ressuscitando-o dos mortos e fazendo-o assentar-se à sua direita, nas regiões celestiais, muito acima de todo governo e autoridade, poder e domínio, e de todo nome que se possa mencionar, não apenas nesta era, mas também na que há de vir. Deus colocou todas as coisas debaixo de seus pés e o designou como cabeça de todas as coisas para a igreja, que é o seu corpo, a plenitude daquele que enche todas as coisas, em toda e qualquer circunstância. “ Efésios 1:20 a 23

Aquele que enche todas as coisas, em toda e qualquer circunstância, não somente no passado, também no futuro, estabeleceu através da ressurreição dos mortos, um reino inabalável. Não somente a terra, mas também o céu, tremerá mais uma vez diante da sua presença. (vide Ageu 2:6)

Jesus foi designado para raciocinar pela igreja, nós fazemos parte do seu corpo, fomos sarados pelo seu sangue. Sai de cena Adão, entra Jesus Cristo, para todo o sempre, das regiões celestes, sentado a direita de Deus, ele observa a transformação de espíritos pecadores, em espíritos de justiça.

A lei evidenciou o pecado, o Espírito Santo trouxe os dons, Jesus consumou a fé, estabeleceu a paz, firmou a graça.

Mas onde abundou o pecado, superabundou a graça. Assim como o pecado reinou para a morte, assim também a graça reinaria pela justiça para a vida eterna, por meio de Jesus Cristo, nosso Senhor. “ Romanos 5:20 a 21

Admin
Admin

Mensagens : 3141
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum