AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus/on line: Salmos 103

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus/on line: Salmos 103

Mensagem por Admin em Seg Mar 04, 2013 7:38 pm



Palavra - Salmos 103

“ Como um pai tem compaixão de seus filhos, assim o Senhor tem compaixão dos que o temem; pois ele sabe do que somos formados; lembra-se de que somos pó. A vida do homem é semelhante à relva; ele floresce como a flor do campo, que se vai quando sopra o vento e nem se sabe mais o lugar que ocupava. Mas o amor leal do Senhor, o seu amor eterno está com os que o temem, e a sua justiça com os filhos dos seus filhos, com os que guardam a sua aliança e se lembram de obedecer aos seus preceitos. “ Salmos 103:13 a 17

O Homem se esquece que do pó foi formado, Deus não. Deus conhece nossa carne, todas as nossas imperfeições, fragilidades, o pecado que em nós habita, foi por essas coisas que ele derramou a sua misericórdia, enviou o Filho para se tornar maldição sobre o madeiro (Gálatas 3:13). Davi assegura que somente através de Deus, o homem pode conhecer o amor leal, eterno, esse amor nos levou a Cristo, a perfeita obra de suas mãos, também o Espírito recorda que pelo Filho somos novas criaturas, selados com o Espírito Santo.

A vida do homem sem Deus, é como uma embarcação à deriva, é como um incêndio incontrolável, como ondas tempestuosas, é caminho sem norte.

“Pois desde que a morte veio por um homem, também por um homem veio a ressurreição dos mortos. Pois assim como em Adão todos morrem, assim também em Cristo todos serão vivificados...” 1 Coríntios 15:21 e 22

Amados, a compaixão do Senhor cativou o nosso coração, o seu coração, em Cristo somos filhos do mesmo Pai (João 1:12). Davi exalta que um pai, deseja fazer o melhor para o Filho, seja abençoando, seja castigando, depende da forma como vemos prevalecer a vontade do Criador. Bom para nós é reconhecermos o amor de Deus, leal e eterno, que ultrapassa as gerações, que dura para sempre sobre as famílias que temem a Deus, que permanece nos corações dos nossos filhos, também dos filhos dos nossos filhos.

“Como um pai tem compaixão de seus filhos, assim o Senhor tem compaixão dos que o temem...”

Amados irmãos, irmãs, para todos que alcançaram a justiça, também as promessas, Jesus é o “sim” de Deus que habita dentro de nós, de você.

Com disse o apóstolo Paulo:

“Por isso tantas quantas forem as promessas de Deus, nele está o sim; porquanto também por ele é o amém, para a glória de Deus por nosso intermédio. Aquele que nos confirma convosco em Cristo, e nos ungiu, é Deus, que também imprimiu em nós o seu selo e em nossos corações deu o penhor do Espírito. “ 2 Coríntios 1:20 a 22

Cristo é o “sim” de Deus para à igreja, foi o “sim” para a unção do apostolado, o “sim” para o trabalho do ministério que edifica o corpo de Cristo, ele é o “sim” de Deus em nossas vidas, o “sim” de Deus em sua vida dileto (a). Cristo é o “amém” de Deus, a confirmação dos homens santos, dos profetas, dos apóstolos, que dedicaram sua vida a servi-lo, não temendo morrer pelo seu nome, a mesma confirmação se deu para nós, através de Cristo, Deus imprimiu em nós o seu selo, a garantia que apesar de sermos pó, nós que cremos em Cristo, morremos para o mundo, para pelo leal e eterno amor de Deus, ressuscitarmos um dia com um corpo igual ao seu.

Davi honrava a Deus como filho, Deus honrou a Cristo como Filho legítimo, gerado pelo Espírito Santo, pela sua obediência também foi legitimada a nossa cidadania celestial. O Senhor se compadeceu de ti amado, amada, ele sabe que ainda sofremos nessa estrutura de pó, vivendo nesse mundo, mas guardando até o fim a doutrina do seu Filho, o amor de Deus nos conservará eternamente.

“Sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre. Porque Toda a carne é como a erva, E toda a glória do homem como a flor da erva. Secou-se a erva, e caiu a sua flor; Mas a palavra do Senhor permanece para sempre.” 1 Pedro 1:23


Ainda que voltemos ao pó, pela palavra ressurgiremos, nós que guardamos a doutrina de Cristo, que honramos a compaixão divina. Ainda que sofremos, sejamos perseguidos, tentados ao extremo, e as causas sejam sem fim, a compaixão do Senhor será a nossa resolução, se Cristo é o “sim” de Deus, ainda que sejamos pó, nada há que impedirá de vermos à glória que há de ser revelada.

“E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo: se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados. Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada. “ Romanos 8:17 e 18

Deus esteja com todos.


Admin
Admin

Mensagens : 2943
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum