AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus/on line: Zacarias 7

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus/on line: Zacarias 7

Mensagem por Admin em Dom Out 06, 2013 11:12 am





Palavra - Zacarias 7


Então a palavra do SENHOR dos Exércitos veio a mim, dizendo: Fala a todo o povo desta terra, e aos sacerdotes, dizendo: Quando jejuastes, e pranteastes, no quinto e no sétimo mês, durante estes setenta anos, porventura, foi mesmo para mim que jejuastes? Ou quando comestes, e quando bebestes, não foi para vós mesmos que comestes e bebestes? Não foram estas as palavras que o SENHOR pregou pelo ministério dos primeiros profetas, quando Jerusalém estava habitada e em paz, com as suas cidades ao redor dela, e o sul e a campina eram habitados? E a palavra do SENHOR veio a Zacarias, dizendo: Assim falou o SENHOR dos Exércitos, dizendo: Executai juízo verdadeiro, mostrai piedade e misericórdia cada um para com seu irmão. E não oprimais a viúva, nem o órfão, nem o estrangeiro, nem o pobre, nem intente cada um, em seu coração, o mal contra o seu irmão. Eles, porém, não quiseram escutar, e deram-me o ombro rebelde, e ensurdeceram os seus ouvidos, para que não ouvissem. Sim, fizeram os seus corações como pedra de diamante, para que não ouvissem a lei, nem as palavras que o SENHOR dos Exércitos enviara pelo seu Espírito por intermédio dos primeiros profetas; daí veio a grande ira do SENHOR dos Exércitos. E aconteceu que, assim como ele clamou e eles não ouviram, também eles clamaram, e eu não ouvi, diz o SENHOR dos Exércitos. Assim os espalhei com um turbilhão por entre todas as nações, que eles não conheceram, e a terra foi assolada atrás deles, de sorte que ninguém passava por ela, nem se voltava; porque fizeram da terra desejada uma desolação. Zacarias 7:4-14
Graça e paz amados irmãos. Zacarias começou seu ministério profético em 520 A.C., para transmitir a mensagem de Deus aos que estavam retornando do exílio babilônico. A reconstrução do templo destruído é um dos temas principais, não maior do que as palavras que remetem ao Messias tão esperado, bendito seja o Senhor! Zacarias teve uma série de visões noturnas, com grande diversidade de significados, neste texto com ajuda do Espírito, vamos mergulhar no significado do capítulo 7, tendo já em mente, que nada do que foi escrito é de difícil entendimento, bastando apenas um esforço da nossa parte, para que tudo seja esclarecido diante de nossos olhos. Avisos, misericórdia sem fim, redenção definitiva, fizeram parte do ministério dos profetas, todos eles falaram de Cristo, como esclareceu o apóstolo Pedro a igreja, “...aos quais foi revelado que, não para si mesmos, mas para nós, eles ministravam estas coisas que agora vos foram anunciadas por aqueles que, pelo Espírito Santo enviado do céu, vos pregaram o evangelho; para as quais coisas os anjos desejam bem atentar. “ (1 Pedro 1:1)

Permaneçamos em comunhão agora diante de Deus, não é por ser a palavra lida em uma tela de computador, que o Espírito não possa nos preencher com alegria consoladora. A palavra veio até Zacarias, o Senhor dos Exércitos ordenou que ele falasse ao povo daquela terra, aos sacerdotes, sabemos que a cultura judaica era composta de muitas cerimônias, realizadas em datas específicas, as religiões atuais também são reféns de cerimônias, que não são concedidas pela vontade divina, não significando outra coisa senão satisfazer a carne. O Senhor faz uma pergunta ao povo, sobre os jejuns e lamentações durante os setenta anos em que estiveram no cativeiro, se realmente isso indicava uma proximidade com o Todo-poderoso, se tudo o que fizeram foi de coração, foi para o seu grande Libertador, porque ao que parece tudo o que o povo fazia, em nenhuma delas davam honra verdadeira a divindade. Mesmo em cativeiro a nudez do povo é revelada, já em outros tempos os profetas denunciaram, que antes da destruição de Jerusalém o povo já não buscava ao Senhor de todo o coração, como anunciou Isaías em outra época:

“Pois que este povo se aproxima de mim, e com a sua boca, e com os seus lábios me honra, mas o seu coração se afasta para longe de mim...” Isaías 29:13

Grandiosa é a forma com que o Senhor sempre falou, envolvendo Israel com toda a compaixão, a voz dos profetas manifestaram toda a justiça dos céus, mas mesmo o povo habitando em paz em Jerusalém, protegida em segurança das nações ao redor, de forma alguma tinham sua consciência purificada para honrar em espírito o Senhor, um estudioso escreveu, que onde não existe pecado não é necessário jejum. Amados, buscar a justiça não significa cumprir com cerimônias que Deus não determinou, obedecer é muito além de sacrifícios...

“Tem porventura o SENHOR tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à palavra do SENHOR? Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros.” 1 Samuel 15:22

O apóstolo Paulo aconselhou a igreja, que os que são de Cristo crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências (Gálatas 5:24), considerando que o fruto do Espírito é muito mais importante, hoje a igreja vive pelo Espírito, então é necessário que quem se diz membro ande pelo mesmo Espírito.

Disse ainda Zacarias para o povo, recordando os dias que o Senhor pediu, que houvesse entre o povo demonstrações de juízo verdadeiro, piedade e misericórdia entre todos. Toda opressão deveria ser exterminada, a convivência em Israel deveria ser pacífica, assim como hoje na igreja deveria acontecer, contudo, diz o profeta, “ eles não quiseram escutar”, sem a prática da justiça, manifesta-se o pecado da rebelião. Um balançar de ombros foi a resposta do povo, taparam seus ouvidos para a verdade.

Irmãos, em Jesus Cristo se sustentaram as promessas de Deus, enquanto no passado Zacarias faz denuncia do modo como os corações dos israelitas se tornaram como pedra de diamante, altamente duros e resistentes ao Espírito Santo, hoje orienta a mesma palavra eficaz, que se ouvirmos a sua voz, não devemos endurecer nosso coração. Amados, queremos a paz em todo o tempo, as injustiças estão perante nós, coisas desagradáveis, enquanto elas se mantiverem longe de nosso corações, sem que estejamos unidos a ela, Jesus Cristo continuará sendo o “sim” de Deus a nosso favor. O povo de Israel desprezou a lei, as palavras dos profetas, que o Senhor dos exércitos enviou pelo seu Espírito, homens altamente qualificados para orientarem o povo, como revelou o apóstolo Pedro, foram inspirados, nada produziram de si mesmos, esse é o motivo pelo qual a ira de Deus se apressou. Se o povo liberto do Egito foi levado para novos cativeiros (Assíria e Babilônia), receberam tais castigos, porque se afastaram da vida com Deus, preferindo andar conforme desejava a sua carne.

E depois da falta de consideração ao Senhor, o sofrimento fez com que lembrassem do único que poderia salvá-los, conforme disse o profeta de Deus, nesse momento já não adiantava mais clamar, agora era o Senhor que não estava escutando. Nem sempre o desespero quer dizer sinal de arrependimento, por isso Israel foi espalhado (e humilhado) entre as nações, uma total e completa destruição para uma nação que nasceu tendo tudo. Não havia mais proteção, ninguém mais habitava em segurança, não havia quem fizesse misericórdia, não havia nenhuma compaixão, somente a ira de Deus. Houve o tempo de novas libertações, Israel não permaneceu para sempre exilado, Zacarias foi um dos profetas, que procuraram estabelecer a justiça divina, quando ela parecia já extinta. Tempos depois João escreveria que Jesus veio para os seus, porém, eles não o receberam (João 1:11), do contrário, ele escreveu aos escolhidos:

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus. E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade. “ João 1:12-14
Você (irmão e irmã) existe pela vontade de Deus, quando o diabo já tinha a certeza da vitória.

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos...” 1 Pedro 1:3
Se hoje habitamos em segurança, sabendo que nada nos separa do amor de Deus, não sejamos como Israel no passado. As bençãos celestiais chegaram a todos nós, que fomos chamados para tão preciosa carreira, ainda que existam os tormentos diários, os benefícios sempre serão eternos.

Bendito seja Deus e a sua misericórdia!!

Deus esteja com todos.

Admin
Admin

Mensagens : 2941
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Palavra de Deus/on line: Zacarias 7

Mensagem por MajinBoo em Ter Out 15, 2013 3:57 am

Grande zacarias!

MajinBoo
Membro

Mensagens : 4
Data de inscrição : 15/10/2013
Idade : 25

http://como-decorar.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum