AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






O amor constrange, ele age, age de tal forma que acreditamos que é verdade, na verdade, é verdade mesmo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O amor constrange, ele age, age de tal forma que acreditamos que é verdade, na verdade, é verdade mesmo

Mensagem por Admin em Ter Mar 18, 2014 6:27 pm



Amor que nos leva a Cristo, força poderosa, exercida pelo Espírito, que derramou do amor de Deus em nossos corações (Romanos 5:5). O amor constrange, ele age, age de tal forma que acreditamos que é verdade, na verdade, é verdade mesmo, assim mesmo, totalmente transparente. O amor de Cristo é isso, ação, ação do Espírito, que modifica a mente, que atua no íntimo da alma, faz-nos sentir vigorosos, para servir a Deus de todo o coração. O amor nos afasta da loucura, embora o mundo mesmo, ache uma loucura, considerarmos que Deus nos ama. O amor nos eleva a homem espiritual, totalmente convencidos que morremos com Cristo, para vivermos por ele que morreu e ressuscitou. Se vivíamos para o mundo, agora vivemos para Cristo, ele morreu, ele mudou o curso, ele tornou-se o caminho, Deus fez dele um nome excelente capaz de salvar (4:12).

“Porque, se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. De sorte que, ou vivamos ou morramos, somos do Senhor. “ Romanos 14.8

O amor nos mantém firmes, longe das encrencas carnais, que não podem agradar a Deus (Romanos 8:8), nada devemos a carne, que leva-nos a morte, para o mundo já estamos mortos, guiados pelo Espírito vivemos como filhos de Deus (Romanos 8:14).

Nunca mais escravos...

“Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes em temor, mas recebestes o Espírito de adoção de filhos, pelo qual clamamos: Aba, Pai.” (Romanos 8:15)

Quanto a carne, nada mais, somos irmãos em Cristo, algo humano, não, espiritual, o que diz sobre o homem natural?

“Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. “ 1 Coríntios 2.14

Consideramos o espiritual, o alcance dos dons, a forma como o Espírito atua na igreja. Paulo antes de avançar para as coisas que estavam adiante, considerava mais a carne, “se algum outro cuida que pode confiar na carne, ainda mais eu” (Filipenses 3:4), perdeu tudo isso pelo caminho, quando começou a caminhar com Cristo, pelo qual ele sofreu a perda de todas as coisas. Ele desejou mais do que viver, alcançar a ressurreição (Filipenses 3:11), isso é a maior prova que ele considerava a todos, de acordo o padrão do Espírito Santo. Conhecer Cristo segundo a carne, se alguém o conhece desse modo, parece desconsiderar o efeito da cruz, pela qual ele foi crucificado. Antes da cruz, velho homem, depois, nova criação, não vivemos mais pelas coisas antigas, até Cristo, uma sombra, depois de Cristo, a realidade de Deus. A reconciliação de Deus, depois de séculos de ira evidente, o ministério da reconciliação, criado para trazer o homem para Deus. Por meio de Cristo houve paz (Efésios 3:15-17), Deus em Cristo, uma unidade que esmagou o diabo, aniquilou seu império de morte (Hebreus 2:14). Reconciliando o mundo, o efeito é maior do que a palavra pode expressar, os olhos de Cristo eram os olhos de Deus, olhando para a criação caída. O novo nascimento, da água e do Espírito, uma nova criação, uma dádiva, uma transformação viva e eficaz.

“Mas quando apareceu a benignidade e amor de Deus, nosso Salvador, para com os homens, Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo, Que abundantemente ele derramou sobre nós por Jesus Cristo nosso Salvador; Para que, sendo justificados pela sua graça, sejamos feitos herdeiros segundo a esperança da vida eterna. “ Tito 3:4-7

A descoberta que éramos pecadores, aconteceu pelo constrangimento do amor de Cristo, o próprio apóstolo Paulo, depois que Cristo formou-se dentro dele, sentia também as dores de parto, até que Cristo fosse formado dentro dos que ouviam a palavra da reconciliação (Gálatas 4:19). Passado é passado, nada melhor que abandonar o passado, daquele velho homem corrompido (Efésios 4:22-23), futuro é futuro, que pertence ao novo homem, por isso Jesus é o mesmo, ontem, hoje, eternamente (Hebreus 13:8), através dele um novo homem foi criado, “ em verdadeira justiça e santidade (Efésios 4:24). Deus deixou seus embaixadores, seus representantes, por todos os países, para apelar junto aos escolhidos. O amor constrangia Paulo a pregar o evangelho, ele reconciliado, apresentava também a fórmula da reconciliação aos escolhidos, tudo por amor de Cristo, a resolução dessa fórmula é precisa, aquele que não tinha pecado, se fez pecado por nós, para que brilhasse sobre nós a justiça, sobretudo, para que a bênção de Abraão chegasse a nós, e pela fé recebêssemos a promessa do Espírito (Gálatas 3:14).

Em Cristo tudo isso ocorreu, agora reconciliados, nossos sentidos estão voltados para Cristo, ainda que a carne ouça a voz da serpente, permanecemos na simplicidade do Filho de Deus.

Eldier

Admin
Admin

Mensagens : 3225
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum