AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus: Apocalipse 15 (vitoriosos cantando o cântico do cordeiro)

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus: Apocalipse 15 (vitoriosos cantando o cântico do cordeiro)

Mensagem por Admin em Dom Maio 18, 2014 5:27 pm




Palavra - Apocalipse 15


E vi outro grande e admirável sinal no céu: sete anjos, que tinham as sete últimas pragas; porque nelas é consumada a ira de Deus. E vi um como mar de vidro misturado com fogo; e também os que saíram vitoriosos da besta, e da sua imagem, e do seu sinal, e do número do seu nome, que estavam junto ao mar de vidro, e tinham as harpas de Deus. E cantavam o cântico de Moisés, servo de Deus, e o cântico do Cordeiro, dizendo: Grandes e maravilhosas são as tuas obras, Senhor Deus Todo-Poderoso! Justos e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos santos. Quem te não temerá, ó Senhor, e não magnificará o teu nome? Porque só tu és santo; por isso todas as nações virão, e se prostrarão diante de ti, porque os teus juízos são manifestos. E depois disto olhei, e eis que o templo do tabernáculo do testemunho se abriu no céu. E os sete anjos que tinham as sete pragas saíram do templo, vestidos de linho puro e resplandecente, e cingidos com cintos de ouro pelos peitos. E um dos quatro animais deu aos sete anjos sete taças de ouro, cheias da ira de Deus, que vive para todo o sempre. E o templo encheu-se com a fumaça da glória de Deus e do seu poder; e ninguém podia entrar no templo, até que se consumassem as sete pragas dos sete anjos. Apocalipse 15:1-8

Ah, como precisamos do Senhor. Para nossa carne não adianta dizer que Deus está conosco, que está velando sobre nós, ela deseja mais, provas concretas, dias marcados, sempre com o desejo de se apegar a alguma coisa, mesmo que desnecessárias. Realmente o Senhor está junto de nós, nem sempre os apóstolos enfrentaram tempos felizes, aliás, creio que raramente a felicidade existiu em suas vidas, salvo pela consolação do Espírito de Cristo. Eles enfrentaram grandes sofrimentos, convictos de que jamais poderiam ser derrotados, todas as marcas no corpo, foram em defesa do evangelho, incluindo os profetas anteriores a graça, que em seus corações já esperavam a revelação de algo superior, que abalaria as estruturas malignas. Desde do princípio em que Deus “criou os céus e a terra” (Gênesis 1:1), ele já tinha também preparado o grande final, expresso dessa maneira pelo Espírito:

A graça do Senhor Jesus seja com todos. Amém.” Apocalipse 22:21

Graça!! Verdadeira graça de Deus. (1 Pedro 5:12)

Na ilha de Patmos (pequena ilha da Grécia) o apóstolo João viu coisas admiráveis, coisas do reino de Deus, sobrenaturais, de esplendor inigualável, significados incompreensíveis, que homens não ousaram percorrer, enquanto outros acharam ser o livro mais difícil da Bíblia. Mas, o que foi escrito, para nosso consolo foi escrito (Romanos 15:4), tudo foi divinamente inspirado por Deus (2 Timóteo 3:27).

O banimento de João nos tempos romanos, para a ilha, criou um dos mais misteriosos livros, que certamente não pode ter nenhuma inspiração carnal. O autor é o Espírito Santo, não é uma questão de crer por crer, é questão de fé, da mais refinada fé. Amados, o encerramento da obra de Deus, não poderia ser descrito, de maneira mais edificante. Os anjos, números, símbolos, profecias, discorrem momentos preciosos, entre Deus e seu apóstolo, que causam dificuldades de interpretações, motivos de serem milhares de milhares, causando mais terror do que certeza. Nosso Deus, amados, está por detrás de cada minúsculo ponto, desses escritos, tamanho é o seu poder, que comanda também nossas vidas, sua vida, com anjos igualmente a nossa disposição. Seus emissários, miríades de miríades, estiveram em contato com a humanidade, com homens, levando a mensagem do Senhor, uma sintonia maravilhosa da ordem celestial.

Nesses poucos versículos de Apocalipse 15, não estamos interpretando, produzindo algum estudo, através de outras referências. Nesse momento acreditando na virtude do Espírito, de modo simples, porém, com o amor de Deus, o objetivo é consolar a vossa alma, alegrar ainda mais os que estão bem, levantar os que não estão tão bem assim. João revela sua visão de sete anjos, com as sete últimas pragas, consumação da ira de Deus. Se Deus não houvesse mudado o curso de nossas vida, éramos por natureza filhos da ira (Efésios 2:2-3), mas a sua bilionária misericórdia, pelo seu amor com que nos amou, fomos salvos por Jesus Cristo. Os vitoriosos sobre o mar de vidro misturado com fogo, uma cena que o homem natural não contempla, nem define. Os vitoriosos purificados, vencedores sobre a besta (666), com harpas de Deus, louvando a Deus, como um dia Israel louvou o livramento do Egito.

Cantavam o cântico de Moisés, o servo fiel sobre a casa de Deus (Números 12:7), todavia, Cristo como Filho, é fiel sobre a casa de Deus, que somos nós, sua igreja (Hebreus 3:6). Uma exaltação suprema é dirigida a Deus, os vitoriosos não se cansam de cantar, oh irmãos e irmãs, louvem ao Senhor, de maneira e digna humilde, não exija nada, porque sobre você está a atenção do Senhor. Bendito seja ele. Amém.

O apóstolo banido para uma pequena ilha, não deveria estar desejando outra coisa, senão registrar de maneira mais fiel, tudo aquilo que estava vendo, visões do terceiro céu que um dia Paulo foi impedido de falar (2 Coríntios 12:4).

Cantavam o cântico do Cordeiro, exaltando os justos caminhos de Deus, que nos afastam do precipício da perdição. E se cantavam, a alegria estava perante eles, de um futuro junto a Deus que todos temem, sendo impossível não magnificar seu nome. Só ele é santo, só ele poderia nos fazer santos, só ele poderia nos conceder o novo nascimento, alterar o rumo da história, elevar nosso estado caído, apagar os pecados, purificar para si um povo zeloso (Tito 2:14). As nações pertencem a ele, prostrarão perante ele, soberania e justiça.

João continuou falando sobre o sinal grandioso, no céu abriu-se o templo do tabernáculo, figuras do Velho Testamento, que Cristo adentrou para comparecer perante Deus (Hebreus 9:24). De lá saíram os setes anjos, com as sete pragas, com roupas resplandecentes, com cintos de ouros, com as taças igualmente de ouro, cheias da ira de Deus, para quem acha que Deus não age a favor dos santos, aqui está a magnífica descrição, do que fará o Senhor contra os blasfemadores. Da glória virá o castigo enviado pelo Deus eterno e paciente:

“E se Deus, querendo mostrar a sua ira e tornar conhecido o seu poder, suportou com grande paciência os vasos de sua ira, preparados para destruição? " (Romanos 9:22-26)

E o templo localizado no endereço da glória, encheu-se com a fumaça da glória e poder de Deus, sendo impenetrável até que todas as sete pragas se consumassem. Para a sequência da comunhão, basta ler os últimos capítulos, até o derradeiro final, que termina com a grandeza da graça de Deus.

Amados, um dia encontraremos com o Senhor, para estarmos sempre com ele, a palavra ordena que consolemos uns aos outros com estas palavras (1 Tessalonicenses 4:27). Se os dias não são tão fáceis assim, para que recordemos as palavra do Espírito, que possamos imaginar a sensação de João, que mesmo banido e exilado, a presença do Deus vivo não se apartou dele, morreu sabendo que nem mesmo a morte poderia separá-lo de seu Salvador. O derramamento da fúria de Deus, não vai atemorizar o cristão, confirmará sua promessa.

"Grandes e maravilhosas são as tuas obras, Senhor Deus Todo-Poderoso! Justos e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos santos."

Dedique-se ao Senhor, louve ao Senhor, você pertence a multidão, um dia uma harpa estará em sua mão, enquanto isso, dedilhe-a com a fé.

O consolo de Deus está adiante de ti.

Bendito seja o nome de Deus.

Graça e paz.

Admin
Admin

Mensagens : 2943
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum