AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






O Senhor defendeu e salvou a cidade

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O Senhor defendeu e salvou a cidade

Mensagem por Admin em Sab Set 13, 2014 10:38 am




O inimigo: Senaqueribe.

Envolto em mistérios o método pelo qual o anjo atingiu os assírios, argumentam uma possível peste causada por ratos, infelizmente não existe nada concreto, a não ser o poder com que o anjo executou rapidamente 185.000 assírios. Em outros tempos Davi viu o anjo do Senhor com a espada desembainhada (1 Crônicas 21:16), a visão aterrorizante deve ter marcado a vida do grande rei, como agora também marcaria a do rei Ezequias.

Ignorando as advertências, Ezequias fez alianças desastrosas com o Egito. Ele sabia muito bem até que ponto era responsável pelo terrível golpe que fora desferido contra o seu reino. O inimigo estava prestes a arrasar com Judá. (Moody)

Escolhas a parte, sempre escolha ao Senhor.

Hoje os anjos não diminuiram em poder, pelo contrário, diz que os anjos são enviados de Deus para ajudar aqueles que irão herdar a salvação (Hebreus 1:14), anjos encontraram-se com muitos servos do Senhor, Abraão, Isaque, Jacó, Moisés, Elias, o próprio Cristo em carne foram servidos por anjos (Mateus 4:11, Lucas 22:43).

Ah, os anjos do Senhor! Anjos que estiveram com os profetas, quantos “viram” a glória dos anjos do Senhor, anjos que adoraram o Filho de Deus. Por meio dos anjos tantas coisas aconteceram, até durante no Êxodo um anjo foi enviado para proteção por todo o caminho, até que o povo habitasse seguro no descanso preparado pelo Senhor. Anjos justiceiros, anjos criados para o bem, anjos do exército celeste, anjos que intrigam.

Mesmo com todo o erro, Ezequias foi privilegiado, quando orou ao Senhor, sua fé conquistou lugar para a justiça, o invasor de Jerusalém que havia insultado ao Senhor, sofreria as consequências destinadas aos hereges.

“ De quem você zombou e contra quem blasfemou? Contra quem você ergueu a voz e, contra quem levantou seu olhar arrogante? Contra o Santo de Israel! “ (Isaías 37:23)

Senaqueribe não tinha poder algum, senão o que Deus havia permitido, “desde os dias da antiguidade” (Isaías 37:26), o Senhor fazia nele conforme a sua grandeza, para o arrogante seria difícil aceitar, que suas ações dependiam do Senhor, ele não era o temido entre as nações, o governante supremo sim, Deus, era aquele que devia ser temido.

A Assíria seria humilhada, mesmo com o erro de Ezequias, ao fazer aliança com o Egito, o seu arrependimento, junto a integridade do profeta Isaías, aliado a misericórdia do Senhor resolveriam a situação.

Não pense que Ezequias não foi advertido:

“Ai dos que descem ao Egito em busca de ajuda, que contam com cavalos. Eles confiam na multidão dos seus carros e na grande força dos seus cavaleiros, mas não olham para o Santo de Israel, nem buscam a ajuda que vem do Senhor!” (Isaías 31:1)

O mesmo Isaías escreveu que as nações, são para o Senhor, como a gota que sobra num balde (Isaías 40:15), o Senhor domina entre todas, ele é o executor da justiça quando pensa alguma ser a dominadora. Não somente no tempo de Ezequias, hoje vemos também grupos de algumas nações, que para se estabelecer, utilizam de métodos brutais, como matar inimigos decapitando ou mutilando, o Estado Islâmico atualmente agindo na Síria, Iraque e Líbano, entre tantas barbaridades (violência contra as mulheres e execuções de civis) estão também perseguindo aos cristãos, milhares já deixaram o país, contudo, o Senhor não permite que o mal se estabeleça, ele usa de outra nação, para manter a ordem do mundo, o presidente do Estados Unidos, autorizou uma ampla intensificação contra o grupo.

Os anjos estão por todos os lugares, seja quem for, em qualquer época, serão envergonhados aqueles que pensam estar acima de Deus. O atrevimento das nações sempre está em julgamento, em todo tempo, quem se enfurece contra o Todo-poderoso, quem comete a impunidade, terá colocado em seu nariz o anzol do Senhor, na sua boca o freio, que o fará voltar pelo caminho de onde veio (Isaías 37:29).

Ezequias receberia um sinal do Senhor (Isaías 37:31), o zelo do Senhor estaria ao lado dele, de Judá, da cidade de Jerusalém, como hoje está conosco, com todos aqueles que se sujeitam a sofrer pelo seu Nome. Não pense que esses cristãos perseguidos, não terão sua recompensa, como disse Paulo a Timóteo:

...todos os que desejam viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos.” 2 Timóteo 3:12

O Espírito Santo pediu a nós, “resistam”, “permanecendo firmes na fé, sabendo que os irmãos que vocês têm em todo o mundo estão passando pelos mesmos sofrimentos” (1 Pedro 5:9). Ainda que o diabo esteja procurando devorar os crentes, ninguém em Cristo, pode ser separado do amor de Deus.

Perseguidos, mas não desamparados...” 2 Coríntios 4:9

Nenhum líder ímpio pode atacar a cruz de Cristo, na verdade ele sofrerá a devida perseguição.

Senaqueribe não entrou em Jerusalém, nenhum flecha entrou, ele voltou pelo mesmo caminho que veio (Isaías 37:33).

O Senhor defendeu e salvou a cidade.

O anjo:

“Então o anjo do Senhor saiu e matou cento e oitenta e cinco mil homens no acampamento assírio. Quando o povo se levantou na manhã seguinte, só havia cadáveres!” ( Gênesis 37:21-36)

O salmo:

O anjo do Senhor é sentinela ao redor daqueles que o temem, e os livra.” (Salmos 34:7)

Admin
Admin

Mensagens : 3191
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum