AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus/online: Jó 37 ("Reflita nas maravilhas de Deus")

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus/online: Jó 37 ("Reflita nas maravilhas de Deus")

Mensagem por Admin em Dom Set 28, 2014 6:59 pm





Palavra -Jó 37:14-24



Escute isto, Jó; pare e reflita nas maravilhas de Deus. Acaso você sabe como Deus comanda as nuvens e faz brilhar os seus relâmpagos? Você sabe como ficam suspensas as nuvens, essas maravilhas daquele que tem perfeito conhecimento? Você, que em sua roupa desfalece de calor quando a terra fica amortecida sob o vento sul, pode ajudá-lo a estender os céus, duros como espelho de bronze? "Diga-nos o que devemos dizer a ele; não podemos elaborar a nossa defesa por causa das nossas trevas. Deve-se dizer-lhe o que lhe quero falar? Quem pediria para ser devorado? Ninguém pode olhar para o fulgor do sol nos céus, depois que o vento os clareia. Do norte vem luz dourada; Deus vem em temível majestade. Fora de nosso alcance está o Todo-poderoso, exaltado em poder; mas, em sua justiça e retidão, não oprime ninguém. Por isso os homens o temem; não dá ele atenção a todos os sábios de coração? "

Livro de Jó, autoria incerta quanto ao homem, autoria excelente quanto ao Espírito. A relação entre o Deus soberano e sua criação. A experiência real que manifesta a sabedoria de Deus, incompreensível sem a presença do Cristo em nossa vida. Escreveu um profeta que os pensamentos do Senhor são mais altos que o pensamento humano (Isaías 55:9), por isso o homem deveria buscá-lo sem perguntar o motivo. Pela graça a “multiforme sabedoria de Deus” se tornou conhecida (Efésios 3:10), nos céus e na terra, seres humanos e celestiais, não podem negar a eficácia da sabedoria que está operando na igreja.

A sabedoria que transforma a vida das pessoas, que redime o homem e a mulher, trazendo a consciência para perto de Deus, colocando a distância a antiga maneira de viver. Nenhuma escola de sabedoria deste mundo, se compara a sabedoria do alto, o sábio e entendido é manifesto pelo procedimento, para Deus até mesmo a humildade deve ser mediante a sabedoria (Tiago 5:14).

O que vem do alto é muito mais poderoso, ora não foi por acaso os atributos do Cristo, enquanto esteve em corpo terreno?

“...a sabedoria que vem do alto é antes de tudo pura; depois, pacífica, amável, compreensiva, cheia de misericórdia e de bons frutos, imparcial e sincera” (Tiago 3:17).

Diletos, compreender a sabedoria, é compreender o que faz o Senhor, Eliú fala a Jó cheio de sabedoria, como um profundo conhecedor do seu poder. A sabedoria foi criada desde a eternidade (Provérbios 8:23), quem acha a sabedoria encontra a vida, também alcança o favor do Senhor (Provérbios 8:35). O que você precisa senão escutar o Senhor, o que você precisa senão refletir nas maravilhas de Deus.

O jovem Eliú disse a Jó, “escute servo”, “pare por um momento”, “agora reflita”, só assim virá a compreensão consoladora. Alguém pode não entender o que passa ao seu redor, como Jó não entendeu por um momento, o que acontecia ao redor dele, o motivo porque Satanás passou a persegui-lo e também o motivo pelo qual o Senhor permitiu. Revela a Escritura que não é sábio perguntar “por que os dias do passado foram melhores que os de hoje? (Eclesiastes 7:10), melhor é refletir sobre o passado e o presente, assim pediu Eliú a Jó, escuta, pare e reflita, “acaso você sabe alguma coisa Jó?”.

Queremos do Senhor a melhor forma para resolver nossos problemas, existe solução para todas as coisas, até mesmo para a morte, ela se chama Jesus Cristo, convém acatar o modo como o Senhor decide solucionar as coisas em nossas vida. Com sabedoria chegamos a conclusão, que aquilo que decidiu o Senhor, o que ele permitiu ou não, são excelentes e impossíveis de serem contestadas. Certamente o diabo repara muito em nós, em você, como reparava em Jó, que era irrepreensível, íntegro, temente a Deus, que evitava o mal (Jó 1:8). Satanás indagou a Deus que havia razões para ele temer a Deus (Jó 1:9), porque em todas as questões ele era abençoado (Jó 1:10).

Todos nós somos abençoados em Cristo (Efésios 13), Nele nós recebemos toda sorte de bençãos espirituais, não necessitamos procurar outras bençãos. A graça de Deus é sem limites, embora imerecida, mas Deus colocou a nossa disposição a sabedoria de Cristo.

Graça sem limites, Graça imerecida, a sabedoria de Cristo colocada a nossa disposição, o apostolado pediu ao Senhor, para que desse à igreja o espírito de sabedoria (Efésios 1:17), que somente pelo Espírito de Deus todo homem pode adquirir, ele nos ungiu, nos selou como sua propriedade, pondo “o seu Espírito em nossos corações como garantia do que está por vir.” (2 “Coríntios 1:21-22).

A mensagem que veio do alto, a pregação ensinada aos servos, profetas e apóstolos, nunca se basearam na sabedoria humana, “mas no poder de Deus” (1 Coríntios 2:4). Entenda-se de qual sabedoria fala o Espírito, jamais pertenceu a este mundo, ou dos poderosos desta era, que sempre serão reduzidas a nada. O que Deus preparou para os que o amam, nenhum olho viu, ouvido nenhum ouviu, mente nenhuma imaginou (1 Coríntios 2:9), “mas Deus o revelou a nós por meio do Espírito” (2 Coríntios 2:10). Algo poderoso aconteceu, que os poderosos cheios de si, não encontram, nem sentem, pois, tais sentimentos não pertencem ao espírito do mundo, mas ao Espírito que procede de Deus (2 Coríntios 2:12).

Sem o Espírito não existe sensibilidade em nenhum de nós, até que Jó aprendesse tais coisas,  Deus deixou que ele fosse testado, ele mesmo admitiu “certo é que falei de coisas que eu não entendia” (Jó 42:3), como nós também indagamos das coisas que não entendemos, nossos ouvidos até ouvem a respeito do Senhor, mas somente quando nossos olhos enxergam a verdade, é que de fato o grande milagre acontece.

Quando entendemos nos arrependemos por falar contra o Senhor, quando o Espírito orienta aquele que ama o Senhor, ele é capaz de chegar ao nível que Jó chegou.

Não foi fácil se livrar de Satanás, quando Eliú orientado por Deus, depois o próprio Deus começaram a indagar Jó, sobre as coisas criadas, ele não conseguiu responder nenhuma das questões, como Jonas não conseguiu responder ao Senhor, quando ele perguntou sobre Nínive: “Não deveria eu ter pena dessa grande cidade?” (Jonas 4:11). Se eu não entendo como agem as nuvens, nem sobre o brilho do relâmpago, como posso indagar a Deus, das tentações que ele permite, também do arrependimento que ele ordena.

Alguém olha para o céu tendo medo da grande tempestade, outros admiram o lindo céu azul, estendido sobre as nossas cabeças, como Deus exerce tais comandos? O próprio Espírito explica, “o Todo-poderoso está fora do nosso alcance”, mas uma coisa Jó deveria entender, ele não estava sendo oprimido por falta de justiça e retidão, antes perante Satanás estava exaltando o SANTO NOME DO SENHOR.

Sem a sabedoria do Cristo, Deus está fora do nosso alcance, com ela, perto está o Senhor. Jó não precisava responder todas as coisas, bastava apenas temer o Senhor. Na igreja conta apenas a sabedoria do Espírito, lá o assunto principal não é outro, senão amar o Senhor sobre todas as coisas.

Diletos, irmão e irmã, certa feita Jesus perguntou:

“Quem de vocês, por mais que se preocupe, pode acrescentar uma hora que seja à sua vida? Visto que vocês não podem sequer fazer uma coisa tão pequena, por que se preocupar com o restante?” (Lucas 12:25-26)

Certamente que o final da vida de um crente, é mais abençoado no fim (Jó 42:12), com Jesus. Jó serviu a Deus com tudo, depois sem nada, voltando a ter tudo com o Senhor, e assim, Satanás foi esmagado. Não devemos nos preocupar com o restante, devemos nos preocupar em servir o Senhor. Mesmo que o “por quê” não seja respondido, isso não quer dizer que o Senhor não esteja agindo por nós, o importante aqui não é a resposta, e sim, o temor que envolve a sabedoria.

“Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.” (Romanos 8:28)

Tenhamos a certeza que os olhos de Jó, a cada dia depois do seu sofrimento, conseguiram enxergar o Senhor em todas as partes da criação, sentindo uma enorme e reconfortante paz. O que mais admira é que por mais que Satanás agisse, procurando destruir a integridade de Jó, o amor do Senhor não permitiu que ele fosse separado do Criador.

E assim é contigo!!

“Quem nos separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada?” (Romanos 8:35)

Deus abençoe a todos.

Admin
Admin

Mensagens : 2943
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum