AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus/online: Jó 33 (" O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida")

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus/online: Jó 33 (" O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida")

Mensagem por Admin em Qua Dez 24, 2014 6:15 pm



Palavra antecipada do dia 28/12/2014

Se houver alguma consolação, ela pertence ao Senhor.

-----



Palavra - Jó 33:1-12


Assim, na verdade, ó Jó, ouve as minhas razões, e dá ouvidos a todas as minhas palavras. Eis que já abri a minha boca; já falou a minha língua debaixo do meu paladar. As minhas razões provam a sinceridade do meu coração, e os meus lábios proferem o puro saber. O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida. Se podes, responde-me, põe em ordem as tuas razões diante de mim, e apresenta-te. Eis que vim de Deus, como tu; do barro também eu fui formado. Eis que não te perturbará o meu terror, nem será pesada sobre ti a minha mão. Na verdade tu falaste aos meus ouvidos; e eu ouvi a voz das tuas palavras. Dizias: Limpo estou, sem transgressão; puro sou, e não tenho iniqüidade. Eis que procura pretexto contra mim, e me considera como seu inimigo. Põe no tronco os meus pés, e observa todas as minhas veredas. Eis que nisso não tens razão; eu te respondo; porque maior é Deus do que o homem. Por que razão contendes com ele, sendo que não responde acerca de todos os seus feitos? “

Palavras de Eliú segundo o Espírito Santo.

Escute o Senhor, preste atenção, que ele vai falar, para o bem da tua alma. Eliú abriu a boca para falar com convicção, diante dos homens, do diabo, na presença do Senhor. Jó deveria escutar com muita atenção, o que o coração íntegro de Eliú, falaria com toda sinceridade, impedindo assim qualquer acusação maligna.

“Olhe para mim Jó!!”

“Escute, preste atenção!!!”

Perdido no seu sofrimento, Jó esqueceu de prestar atenção, de olhar ao redor, ele como Eliú foram formados pelo mesmo Espírito, o sopro de vida não veio de outro, senão do mesmo Deus, ele, o Todo-poderoso, criou os dois homens, que agora estavam conversando, a sabedoria se manteve em silêncio, até achar o momento, em que poderia se expressar com toda autoridade.

Somos todos iguais diante de Deus, não perante o homem. Jó deveria responder, se pudesse, enfrentando o Espírito que falava em Eliú. Ora pelo simples ato da afirmação, houve o equilíbrio, para Jó começar a compreender, que no mundo, sem Deus, sem o Filho, não existe ninguém que possa ser justo.

“Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus. Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só. “ (Romanos 3:10)

O choque com a verdade, gerou o silêncio dentro de Jó, o barro não pôde contestar o seu Criador.

“Mas, ó homem, quem és tu, que a Deus replicas? Porventura a coisa formada dirá ao que a formou: Por que me fizeste assim? Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para honra e outro para desonra?” (Romanos 9:20-21)

Qual dos homens pode condenar um igual a ele mesmo? Somos isentos de pecados? Deus aceitará a nossa justificativa, de que somos homens e mulheres sem pecado? Se alguém está sem pecado atire sua pedra (João 8:7), nem mesmo o Cristo sem pecado, ousou lançar uma pedra sobre alguém (João 8:46).

“Aquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus. “ (2 Coríntios 5:21)

Jó afirmou estar sem pecado, puro, sem culpa, o erro segundo ele, foi do Senhor, o Todo-poderoso. Que olhasse Deus o seu caminho íntegro, se encontraria nele alguma mancha, alguma culpa, será que nós ousaríamos perguntar ao Senhor cousa semelhante?

Quem poderá dizer: "Purifiquei o coração; estou livre do meu pecado? " (Provérbios 20:9)

Eliú então respondeu que faltou razão as palavras de Jó, seja quem for, onde for, e o motivo, “maior é Deus do que o homem”. Nossos sofrimentos não podem ser considerados, como uma inimizade provocada pelo Senhor, passe o homem pelo vale da sombra da morte, o Senhor estará com ele, mesmo autorizando o inimigo a infligir algum castigo.

Os cristãos são formados do mesmo pó, do sopro do Todo-poderoso, por todo o mundo são os fiéis perseguidos. Jesus disse que são bem-aventurados os que sofrem por causa da justiça (Mateus 5:10), e todos que querem viver uma vida de piedade sofrerão perseguições (2 Timóteo 3:12), mas nenhuma delas consegue separar alguém do amor de Deus (Romanos 8:35).

Jó deveria saber que mesmo sofrendo, estava unido ao amor do Senhor. O Senhor não abandona seu justo, sua bondade e fidelidade como afirma o salmista, acompanham o crente por todos os dias (Salmos 23:4-6). Contestar ao Senhor é falar de coisas, que o homem natural não compreende, não somos frágeis homens e mulheres, somos homens e mulheres criados em Cristo Jesus, para resistir ao pecado, e principalmente ao orgulho.

Mesmo que cheguem os dias do sofrimento,
O decreto de paz está estabelecido.

Depois da conversa com Eliú, com o próprio Deus, Jó finalmente compreendeu, que Deus pode fazer todas as coisas. Melhor é o silêncio quando surgem as coisas que não entendemos, que facilmente são explicadas pela grandeza do Senhor.

Se você sofre por um momento, Jesus Cristo já sofreu por todos os outros momentos, sem isso não seríamos capazes de encontrar a vida. O mundo precisava de um Nome, debaixo do céu Jesus é o único que pode salvar (Atos 4:12), que está acima de todos(Filipenses 2:9-11), o diabo pode até tentar nos destruir, mas é ele quem será esmagado pelo Deus de paz (Romanos 16:20).

“Sejam todos humildes uns para com os outros, porque "Deus se opõe aos orgulhosos, mas concede graça aos humildes". Portanto, humilhem-se debaixo da poderosa mão de Deus, para que ele os exalte no tempo devido. Lancem sobre ele toda a sua ansiedade, porque ele tem cuidado de vocês.” 1 Pedro 5:5-7

Senhor não deixe raiz da minha revolta,
Regue a semente da justiça,
Que está plantada em meu coração,
Para que na estação devida,
Eu colha os frutos da perfeição.

A voz de Eliú cessa, não a palavra, ela continua falando com Jó, o próprio Deus.

O simples homem Jó se arrependeria depois das suas atitudes, com humildade encontraria a reconciliação com aquele que é maior que o homem. Se Deus permite o toque do diabo em nossa carne, em nossa alma temos o toque de Cristo, uma vez compreendendo a sua vontade, uma felicidade infinita invade nossa alma, por saber que nossa vida está segura.

Deus te abençoe infinitamente.


Admin
Admin

Mensagens : 2941
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum