AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus/on line: 2 Coríntios 13 (a autoridade para edificar e não destruir)

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus/on line: 2 Coríntios 13 (a autoridade para edificar e não destruir)

Mensagem por Admin em Dom Jan 04, 2015 6:27 pm



Palavra - 2 Coríntios 13:11-14


Sem mais, irmãos, despeço-me de vocês! Procurem aperfeiçoar-se, exortem-se mutuamente, tenham um só pensamento, vivam em paz. E o Deus de amor e paz estará com vocês. Saúdem uns aos outros com beijo santo. Todos os santos lhes enviam saudações. A graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vocês."

Apesar de felizes com a carta, os corações deveriam estar tristes, porque na verdade era o final de seus escritos, sua despedida em amor para sua comunidade, que ele conquistou pelo poder de Cristo, divulgando o evangelho da graça de Deus.

Procurem irmãos, leiam a carta aos coríntios, familiarizem-se com a palavra de Deus, aperfeiçoem-se ainda mais. Algo aconteceu na comunidade que desvirtuou a comunhão, membros convertidos pecaram sem que tivessem o desejo do arrependimento:

"Já os adverti quando estive com vocês pela segunda vez. Agora, estando ausente, escrevo aos que antes pecaram e aos demais: quando voltar, não os pouparei..." 2 Coríntios 13:2

Ele agora haveria de julgar o pecado, parece dizem os estudiosos, que alguns duvidavam que Cristo falava por intermédio de Paulo (2 Coríntios 13:3), Paulo não só provaria em humildade, que ele era representante de Cristo, como Cristo se apresentaria poderosamente entre eles.

Na fraqueza Cristo padeceu, mas viveu pelo poder de Deus (2 Coríntios 13:4), então os coríntios deveriam considerar que embora sem Cristo os apóstolos fossem fracos, pelo poder de Deus, Cristo vivia neles para servi-los em toda a verdade.

Ah irmãos, que dádiva, que confissão, um consolo para qualquer comunidade, ter um líder que não visa a destruição, nem o desligamento, mas demonstrar perante todos, que Cristo realmente o capacitou para apascentar o rebanho do Senhor.

Oh que tristeza quando vemos a destruição de uma alma, a falta de compreensão da palavra, Paulo procurava poupar o seu rebanho, de nenhum modo ele desejava a destruição de uma alma. Portanto, diletos que estão lendo palavras tão simples, se não pelo poder de Deus, o inimigo já teria tragado a tua alma, o Senhor poupa a sua vida mesmo com tantas imperfeições, a sua santidade é que nos leva a perfeição, ao descobrimento do verdadeiro culto de amor.

Basta que como disse Paulo, cada um examine-se se estão na fé, provem a si mesmos, se Cristo vive dentro dos vossos corações, sentem por acaso alguma reprovação? Não. Então volte para o Senhor, para o Deus vivo, porque o Espírito escreveu "que nós não fomos reprovados" (2 Coríntios 13:6), embora algo tenha sido de reprovação diante do Senhor, devemos perseverar em não praticar o mal.

Paulo orava para que eles praticassem o bem não o mal, não importava para ele ser aprovado aos olhos dos homens, o bem sempre é o certo, porque é realizado para Deus. Então perante os homens se parecesse que Paulo tivesse falhado ou fosse reprovado, o mais importante sempre foi a situação da igreja, porque diante dos homens ele mesmo se considerou como a escória do mundo (1 Coríntios 4:13).

"Pois nada podemos contra a verdade, mas somente em favor da verdade." (2 Coríntios 13:8)

Os coríntios pareciam se considerar fortes sem Paulo, mas isso para ele foi uma grande alegria, pois ele mesmo afirmou "nossa oração é que vocês sejam aperfeiçoados" (2 Coríntios 13:9).

Bendito seja Deus!

O desejo do amor apostólico:

"Por isso escrevo estas coisas estando ausente, para que, quando eu for, não precise ser rigoroso no uso da autoridade que o Senhor me deu para edificá-los, e não para destruí-los." 2 Coríntios 13:10

Amados, vivamos em um só pensamento, certamente é difícil, numa comunidade muitos pensam em si mesmos, não no que o próximo pensa, façamos a nossa parte.

Vivamos em paz, sempre em paz, o motivo? o Deus de amor e de paz estará sempre conosco (2 Coríntios 13:11).

O final mais maravilhoso:

"Saúdem uns aos outros com beijo santo. Todos os santos lhes enviam saudações. A graça do Senhor Jesus Cristo, o amor de Deus e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vocês." (2 Coríntios 13:14)

Com o diabo esmagado, bastava o regozijo do povo, a consideração a pessoa de Paulo, um homem que não importava morrer por Cristo, o amor exclusivo a Jesus Cristo que morreu por todos.

As setas do mal não penetram a comunhão dos crentes.
A desunião não resiste ao amor derramado.

Deus vos abençoe grandemente. Que felicidade. Glória ao nome de Deus!

Admin
Admin

Mensagens : 2941
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum