AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Palavra de Deus/online: Lucas 7 (qualquer que seja a nossa ansiedade, basta lançarmos ao alto nas mãos do Senhor)

Novo Tópico   Responder ao tópico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Palavra de Deus/online: Lucas 7 (qualquer que seja a nossa ansiedade, basta lançarmos ao alto nas mãos do Senhor)

Mensagem por Admin em Dom Mar 08, 2015 5:18 pm





Palavra - Lucas 7:11-17



Em dia subseqüente dirigia-se Jesus para uma cidade chamada Naim, e iam com ele seus discípulos e uma grande multidão. Ao aproximar-se ele da porta da cidade, eis que levavam para fora um defunto, filho único de sua mãe, que era viúva; e vinha com ela muita gente da cidade. Logo que o Senhor a viu, compadeceu-se dela, e disse-lhe: Não chores. Chegando-se, tocou o esquife e, parando os que o conduziam, disse: Moço,eu te mando, levanta-te. Aquele que havia estado morto, sentou-se e começou a falar; e Jesus o entregou à mãe dele. Todos ficaram cheios de medo, e glorificaram a Deus, dizendo: Um grande profeta levantou-se entre nós, e: Deus visitou ao seu povo. A notícia disto se divulgou por toda a Judéia e por toda a circunvizinhança.”

Naim ficava próxima a cidade de Nazaré, Jesus estava voltando da cidade de Cafarnaum, cerca de 38 quilômetros, onde havia curado o servo do centurião. Chegou na cidade justamente no horário que ocorriam os funerais, a misericórdia percorreu uma longa caminhada, até encontrar com o cortejo fúnebre de um jovem, filho de uma mãe viúva. Conforme o uso dos hebreus, o cemitério ficava fora dos muros da cidade, pela lei cerimonial não se podia tocar no morto, o cortejo foi paralisado, porque aquele que é a vida, fez exatamente isso, tocou o morto com o seu poder.

O cortejo estava envolto em emoção, a única alegria de uma mãe, estava em cima de um esquife (espécie de maca). Muita gente chorava com ela, ainda mais o Mestre, que vendo a tristeza do coração, pediu que ela parasse de derramar suas lágrimas, “não chores”, a misericórdia compadeceu do sofrimento, a Vida pediu ao moço para levantar, o coração ouvindo a voz poderosa do Filho de Deus, voltou a bater no mesmo instante, ele sentou e começou a falar, enquanto os presentes atemorizados ficaram mudos.

Aquela mãe que veria o quarto vazio naquela noite, enquanto o filho estaria numa fria sepultura, recebeu o milagre que mudou sua condição, o filho voltaria a dormir no mesmo quarto, aquecido pelo amor, enquanto a morte sentiria sua humilhação.

Deus visitou aquele povo, eles que não estavam esperando, receberam a visita de um grande profeta. O mundo não hospedou a VIDA com respeito, mas os poucos que sentiram a felicidade da visita, limparam seus corações da imundície para receber o Espírito de Deus. Jesus entregou o filho a sua mãe, abraços sem fim, beijos carinhosos, diante do Salvador, aquela frase de Jesus “não chores”, foi transformada em choro de alegria, pela emoção que não se pode medir.

Deus visitou o seu povo.

A notícia correu, a fama, habitava no mundo um homem capaz de trazer um morto a vida, não sabiam ainda, que ele também seria capaz de trazer não apenas um, mas uma multidão, um povo particular, de volta a vida. O Senhor entregaria o seu Filho, para resgate do mundo, os perdidos encontrariam a misericórdia. Assim aconteceu, nós também um dia sem imaginar, encontramos no caminho o Filho de Deus, eis que o grande milagre ocorreu, ele trouxe-nos de volta a vida.

Todos precisamos de alguma coisa, o Senhor sabe, individualmente ele sabe, diletos, irmãos e irmãs, nem todos contemplarão uma ressurreição, entre muitos milagres, a dimensão desse excede qualquer outro. Elias, Eliseu, Pedro, Paulo, foram homens agraciados com o mesmo poder, suas mãos receberam a unção do Espírito de Cristo, só assim eles puderam trazer os mortos de volta.

Importa que ressurgimos com Cristo, qualquer que seja a nossa ansiedade, basta lançarmos ao alto nas mãos do Senhor. Ao diabo é permitido nos tentar, na alma ele não pode tocar, durante a nossa vida, sofremos e sofreremos inúmeros atentados, nenhum deles poderá nos destruir, vamos chorar por noites inteiras, só que todas as manhãs veremos o brilho do sol da justiça, nas incessantes guerras, a paz será eterna, em qualquer condição, nenhuma anulará a esperança, a derrota fugirá, “somos mais do que vencedores”.

Deus te ama!!

A cruz jamais estará vazia,
Sei que tiraram o teu corpo dela,
Mas tenho que continuar vendo o teu sofrimento,
Só assim a cada dia, aumentará o valor da minha fé,
Com os olhos fitos na cruz, enxergo o quanto estava perdido,
Tenho forças para carregar a minha tão pequena.

Deus abençoe.

Admin
Admin

Mensagens : 2943
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você pode responder aos tópicos neste fórum