AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Moisés e Cristo (Martinho Lutero Hoffmann)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Moisés e Cristo (Martinho Lutero Hoffmann)

Mensagem por Admin em Sab Out 17, 2015 7:57 pm







“Porque a Lei foi dada por Moisés, a graça e a verdade vieram por Jesus Cristo” (João 1:17).

Moisés e Cristo — dois homens, duas realidades, uma oposição inflexível. Sinai e Calvário — lei e graça, castigo e perdão, vida e morte. Moisés e Cristo — dois modos contrários e inconciliáveis de Deus tratar com o homem. E, no entanto, absolutamente necessário.

Moisés deu a lei, a lei que exige, que ordena, que proíbe, que premia, que pune, que nada revela, mas que revela o pecado, a lei que dá vida onde há vida, a lei que dá morte onde há morte, a lei, portanto, que não traz esperança àquele que jaz no jugo do pecado. Jesus deu a graça, a graça que se oferece, a que faz o que ela própria ordena, que se abre à liberdade, que em si mesma tudo revela e a si própria se revela em dádiva e amor, a graça que multiplica a vida onde há vida e cria a vida onde há morte, a graça, portanto, que é esperança àquele que jaz no jugo do pecado. Moisés, porém, não era só lei. Sua mensagem continha o germe da graça com a promessa do Messias. E Cristo não era só evangelho. Sua lei era tão ou mais dura que a de Moisés e, com certeza, mais abrangente e mais penetrante. No entanto, é em Cristo que se ressalta a graça porque Ele é que foi a encarnação e o concretizador dessa graça.

Moisés foi o profeta, o anunciador tanto da lei quanto do evangelho (embora um tanto oculto). Mas Cristo, que anunciou a lei e a graça, foi Ele próprio a mensagem da graça, mais até que a própria encarnação e concretização da graça, foi Ele a graça. Por isso, ressalta o Batista haver a graça vindo por meio de Jesus.

Com certeza, foi essa graça-Jesus Cristo que nos guiou neste ano que finda e nos guiará no ano que logo mais começará, em direção ao Pai e à vida eterna.

Ó Deus, fracassos nos mostram o dedo acusador da lei, e a nossa consciência tem de aceitar o veredicto. No entanto, Jesus Cristo, a graça, anula a sentença e nos purifica do mal. Por isso, nada mais podemos fazer a não ser agradecer-Te e pedir-Te que essa graça nunca nos deixe e sempre (h)aja em nós. Amém.



Fonte: Meditações para o Dia-a-Dia, Editora Vozes.


www.monergismo.com

Este site da web é uma realização de
Felipe Sabino de Araújo Neto®
Proclamando o Evangelho Genuíno de CRISTO JESUS, que é o poder de DEUS para salvação de todo aquele que crê.

Admin
Admin

Mensagens : 3188
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum