AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






O Ser mais Abençoado no Cosmos (Ian Hamilton)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O Ser mais Abençoado no Cosmos (Ian Hamilton)

Mensagem por Admin em Qua Dez 09, 2015 6:42 pm






Fonte - Banner of Truth


A vida cristã é uma vida de constante alegria sem restrições - ou, pelo menos, assim diz o apóstolo Paulo: "Alegrai-vos sempre no Senhor. Outra vez digo, alegrai-vos!” Segundo Paulo, a alegria não é uma característica ocasional na vida do crente, é uma realidade constante. Isto parece uma expectativa pouco real da vida? Paulo está esperando demais?  Ele está mesmo vivendo no mundo real, onde as decepções, desânimos e desastres acontecem? Não é escapismo espiritual o pensamento que os cristãos devem estar sempre alegres? 

Dificilmente podemos, no entanto, acusar Paulo de engajar-se em escapismo espiritual, ou de sugerir que os crentes vivem vidas sem problemas. Por um lado, a própria vida de Paulo era um catálogo de decepções, desânimos e desastres (leia 2 Coríntios 11:23-29). Ele nunca se cansou de dizer que os cristãos na vida da fé estariam cercados de tentações e perseguições (leia Atos 14:21-22, 2 Timóteo 3:10-12). Paulo não era um homem com a cabeça nas nuvens. Ele bem sabia, por amarga experiência, as dores e tristezas da vida do crente. E, no entanto, ele ainda escreve: "Alegrai-vos sempre no Senhor" e, em caso de não percebermos a força do que ele diz, ele repete a si mesmo: 'Vou dizer novamente: Alegrai-vos! " Paulo está bem ciente de como  aparentemente irá parecer impossível este mandamento para nós. Mas em nenhum sentido Paulo está sugerindo que os cristãos terão sempre o sol do amor e da bondade de Deus brilhando em suas costas, tornando mais fácil para eles poderem se alegrar. O que ele está dizendo, porém, é que apesar de todas as dificuldades e desalentos e os desastres que podem (e vão) atingir o filho de Deus, ele ainda é capaz de se"alegrar". Como pode ser isso? 

Olhe atentamente para o que Paulo escreve: "Alegrai-vos no Senhor." O cristão está sempre se alegrando porque a sua alegria não é eminentemente localizada em sua situação, mas no seu Salvador - o imutável e inalterável Senhor Jesus Cristo! Paulo não está dizendo em nenhum momento  que os crentes devem estar andando com um sorriso permanente. Este não é o retrato que as Escrituras nos dão de nosso Senhor Jesus, o protótipo do homem de fé. Nosso Salvador conhecia a realidade dolorida de decepções e desânimos, ele experimentou o maior cansaço, ele era"desprezado e rejeitado pelos homens." Os cristãos são capazes de "Regozijar sempre", porque a nossa alegria está em nosso Deus e Salvador e no que ele fez por nós - e nada pode mudar o seu amor por nós, ou alterar a constância de seu caráter fiel. Isto significa que não importa o que acontecerá com o crente, ele ainda é um filho de Deus, um pecador perdoado, um santo destinado ao céu, o ser mais abençoado no cosmos! Se o cristão perde tudo, ele ainda tem tudo, pois ele não pode perder o seu Salvador, nem a sua grande salvação. Martinho Lutero viu isso e conclui seu hino da Reforma com estas grandes palavras:

Se temos de perder
Família bens poder
Embora a vida vá
Por nós Jesus está
E nos dará seu reino

Paulo não está dizendo que os cristãos vão parecer estar sempre cheios de alegria, mas sim  que, mesmo através das lágrimas amargas, o coração do crente pode regozijar-se no Senhor. Mesmo em tempos de profunda escuridão e perplexidade, o filho de Deus pode se alegrar, não porque ele consegue entender completamente a maneira como Deus age, mas porque ele tem um Salvador que o amou e se entregou por ele. 

Jesus é o nosso motivo de alegria constante. 

Admin
Admin

Mensagens : 3222
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum