AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Frieda Roos, sobrevivente do Holocausto encontrou o evangelho depois da Segunda Guerra Mundial

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Frieda Roos, sobrevivente do Holocausto encontrou o evangelho depois da Segunda Guerra Mundial

Mensagem por Admin em Dom Abr 23, 2017 6:34 pm





Frieda Roos, uma talentosa cantora de ópera, com um futuro brilhante, se torna uma fugitiva após a invasão Nazista na Holanda. Quase toda a sua família morreu em campos de concentração. Ao ler a Bíblia, ela descobre que Jesus é o Messias de Israel, e encontra paz e cura interior. Assista a este testemunho: “Frieda Roos, uma sobrevivente do Holocausto encontrou a paz após a Segunda Guerra Mundial.”

É muito difícil explicar para as pessoas o que significa viver como um fugitivo. E é isso que nós éramos. Nada além de nós mesmas e as roupas que estávamos vestindo. Frieda van Hessen é uma das poucas sobreviventes do Holocausto que ainda vivem. Aos 92 anos, ela ainda pode contar, vividamente, os anos terríveis que roubaram dela a sua liberdade, a sua dignidade e sua carreira como uma cantora de ópera.
Quando eu tinha 6 anos de idade, eu já tinha o que eles chamam de uma bela voz, mais notável do que as outras crianças, e eu queria me tornar uma cantora. Ela teve uma infância feliz. Frieda nasceu em 1915 e cresceu na Holanda. Ela era a única filha mulher de pais ricos. O pai de Frieda era um oficial do exército holandês. Sua mãe, uma cantora, incentivou o talento natural de Frieda para a ópera. Frieda tornou-se uma estrela em ascensão no conservatório de música, cantando para plateias lotadas. Os Van Hessens eram judeus, mas davam pouca atenção para as festas ou a educação judaica. Eu nunca soube a história do meu povo Eu nem sabia quem foi Moisés! Eu nunca tinha experimentado antissemitismo até que chegaram os alemães.
Os nazistas impuseram normas rígidas para os judeus holandeses. Frieda e sua família tiveram de usar a Estrela de Davi em suas roupas. E, sendo judia, Frieda não tinha mais permissão de cantar para um público que não fosse judeu Eu sonhei que grandes pássaros pretos voavam sobre a nossa casa. Eu não sabia o significado, é claro. Foi um sonho horrível, vamos dizer assim e não muito agradável. Em maio de 1940 bombas alemãs caíram na Holanda pela primeira vez. Durante a noite, a vida de Frieda passou de intérprete de ópera, a uma fugitiva, que ia continuar fugindo ao longo dos próximos 4 anos. No meio da noite, meu irmão ficou em pé junto à minha cama me sacudindo e dizendo: “Frieda acorda, acorda, estamos em guerra!” Quando olhamos para ver o que estava acontecendo, esses grandes pássaros pretos que eu tinha visto no meu sonho voavam diretamente sobre nossa casa. Os Van Hessens, junto com a amiga de Frieda, Mieka, fugiram para outra casa onde eles se esconderam durante vários dias. Os pais de Frieda estavam em outro quarto quando um carro parou em frente da casa. Então eu olhei por trás das cortinas para ver o que era. Eu vi uma limusine preta gigante, e vi soldados alemães com baionetas, de pé ao lado dela. E eu disse: O, meu Deus! Eu disse: Mieka, problemas, problemas! Os nazistas capturaram aos pais de Frieda, mas não encontraram Frieda nem a sua amiga. Frieda não sabia disso na época, mas os seus pais foram levados para Auschwitz, o campo de extermínio mais notório, onde mais de 1 milhão de judeus foram assassinados nas mãos dos nazistas.

A última vez que eu vi os meus pais, foi sendo levados com uma baioneta nas costas, passando perto da minha janela. Eles não olharam para cima. Eles estavam com medo de nos trair, eu tenho certeza. Eles só olharam para a frente. E então, é claro, eu entrei em colapso e chorei. Eu perdi o controle totalmente. Desde aquele dia até o fim da guerra, Frieda e Mieka viveram em terror. Elas se esconderam em 8 lugares diferentes, fornecidos por simpatizantes não-judeus. Toda vez que elas suspeitavam que as iam descobrir, fugiam para outro esconderijo. O mais assustador de tudo isso na verdade foi que estávamos 24 horas por dia sem saber o que aconteceria no momento seguinte. Por exemplo, nós estávamos sempre sussurrando. Nós não podíamos confiar em ninguém. Você não podia confiar nem na sua família! Você nunca sabia, podia vir de qualquer lugar. Alguma vez sentiu você vontade de desistir? Não. Na verdade, eu fazia os meus exercícios. Eu tinha um pedaço muito pequeno de batom, como uma amostra. Eu colocava um pouco batom todos os dias. Eu fazia meus exercícios de bailarina E eu queria estar muito bonita quando a guerra acabasse, porque eu sabia que eu ia voltar a ser Frieda. E eu sempre disse: Se eles querem me pegar, eles tem que me matar, porque eles não poderão apanhar-me viva. Por 4 anos e meio, Frieda lutou para sobreviver.

Então, um dia, tudo acabou. Oremos para que a paz seja agora restaurada no mundo e que Deus a preserve sempre. De repente, fomos informadas de que a guerra tinha acabado. A bomba tinha caído no Japão. Aquilo foi simplesmente uma alegria total; as bandeiras foram içadas, As pessoas dançavam nas ruas. Todo mundo ficou maluco, porque havia paz. Mas nós estávamos tão assustadas; Nós tínhamos ficado tanto tempo naquele quarto, Que quando finalmente estávamos fora, e nós não tínhamos teto sobre nossas cabeças… Entendeu? Mas eu estava tão apavorada de olhar para cima! Eu estava com medo do céu, medo das estrelas Eu estava simplesmente tão assustada, era tão grande! Eu acho que isso é que as pessoas sentem, quando estiveram a vida toda na prisão, ou algo parecido. Foi muito estranho de novo poder comprar coisas, ir a lugares. Isso foi simplesmente um milagre. Alguma vez você pensou que ia viver para ver esse dia? Não. É muito difícil de descrever. Quando você foi despojada de tudo, despojada dos relacionamentos, dos alimentos, da liberdade. Eu fui despojada do meu próprio coração! Quero dizer, eu perdi completamente a minha memória no que respeita à minha música. Levou anos para Frieda recompor os pedaços da sua vida Quase todas as pessoas e lugares que ela conhecia haviam desaparecido. Seis milhões de judeus tinham sido assassinados. As foi tudo o que restou da casa de Frieda. Na área havia soldados Canadenses, e Frieda atraiu a atenção de um jovem cristão: Keith Sanders. Eu achei ele bonito. Também achei que ele era muito arrogante. Eles se casaram e planejavam se mudar para o Canadá. Foi aí quando o tio de Frieda fez uma sugestão estranha: Ele começou a me dizer que eu deveria me tornar cristã e realmente confundiu a minha cabeça Então eu lhe disse: “O que você está falando?!” Ele disse, bem, se isso acontecer de novo, se houver outra guerra de novo, então provavelmente eles vão fazer o mesmo com você de novo. Eu fiquei quieta por um minuto e lhe respondi: Eu nunca vou fazer isso. Porque se eu mudar e me tornar uma cristã, significa que Hitler ganhou a guerra depois de tudo. Frieda decidiu mudar de religião, somente por razões de segurança. Ela entrou em uma igreja e pediu para ver o pastor. Tudo o que eu tinha em mente era obter um papel, para mostrar às pessoas que eu era uma gentia. O pastor apresentou Frieda à Elizabeth, uma mulher da igreja. Ela começou com Jesus e com José, com o bebê na manjedoura e toda classe de coisas que não faziam sentido para mim. E eu pensei que ela tinha enlouquecido. De fato, eu disse a ela: “Eu pensei que você fosse uma pessoa inteligente. Como pode você acreditar em tal absurdo?” Elizabeth pediu Frieda ler Isaías capítulo 53 e o Salmo 22 em seu tempo livre. E então eu continuei a leitura até chegar no versículo 16, onde diz: “Eles furaram minhas mãos e meus pés.” E aí eu soltei um grande brado: “Aaaah! Esse é Jesus! ” Eu estava sozinha em uma pequena sala, não havia ninguém lá para me confortar. Eu só… “buum!” Eu vi que era Jesus. Sentei-me e disse: “Como eu pude ter vivido todos estes anos sem saber isso?!” “É como sair dum buraco escuro para a luz.” Eu não sabia que Ele é chamado de “Luz do mundo”. Eu não sabia de nada! Então eu abri Isaías 53 e, de uma vez, eu pude entender cada palavra. Então eu liguei para Elizabeth e ela correu. Então nós lemos de novo Isaías 53 e o Salmo 22, e ela me explicou o que significava tudo aquilo. Eu fui salva em um abrir e fechar de olhos. Isso foi há mais de 60 anos atrás. Hoje, Frieda usa o seu tempo criando belas pinturas e tapeçarias. Além disso, ela é a única mulher que eu conheço de mais de 90 anos, que tem seu próprio blog. Eu tenho um blog agora! Eu não sei o que isso significa, mas eu tenho! Frieda diz que ela perdoou os nazistas há muito tempo. Sua oração agora é que o Senhor use suas experiências de vida para compartilhar o poder do Seu amor transformador. Quando fui a Israel pela 1a vez, em 1987, tudo o que eu pedi ao Senhor foi ser: uma serva. E assim Ele respondeu às minhas orações, Ele fez de mim uma serva, para dizer às pessoas sobre os milagres que Ele fez e ainda continua a fazer!

Admin
Admin

Mensagens : 3225
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum