AS MARCAS DE JESUS
Paz, a todos os corações e Deus esteja com todos.

Palavra do jovem e palavra de Deus todo domingo.

Eldier






Parece que para o Filho de Deus, sempre havia uma maneira de perdoar...Parece?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Parece que para o Filho de Deus, sempre havia uma maneira de perdoar...Parece?

Mensagem por Admin em Ter Maio 16, 2017 9:17 am


"Pois Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que este fosse salvo por meio dele." João 3:17

Na situação que o mundo estava, na situação que ele está, alguns homens insistem em condenar os pequeninos, como se tivessem no topo, acima da própria cabeça Jesus Cristo.

Um pequenino pecou (adulterou), recebe um conselho que diz, "espere misericórdia no dia final, da nossa parte você não tem mais direito a nada".

Que tristeza para um coração, que se envolveu nesse pecado, ou ele encontrará alento em outra denominação, ou ele passará o resto de seus dias lamentando, porque mesmo vacilando em determinado momento, ele endireitou sua vereda, mas que adianta?

Deus enviou o Filho ao mundo para salvar, todos os dias pecamos, os mais variados pecados, Deus poderiam nos enviar a destruição, o que ele faz? Nos trata com bondade, infelizmente os homens não aprendem.

É um assunto cansativo, falar em adultério, adultério, adultério, uma palavra que no dicionário humano significa tão somente: "Vai apodrecer no inferno".

Jesus não olhou o mundo para destruir, seu desejo foi edificar, o que se pode aprender com o ato de Deus, enviar seu Filho ao mundo para salvar, os homens que condenam um adúltero, parecem não ter afinidade nenhuma com tais palavras, pregam tantas profecias sem sentido, mas não são capazes de fazer algo suficiente para proteger uma alma. É tão controverso quando no batismo o batizado é abraçado, já quando peca seu coração é destroçado pelas pedradas.

Adúlteros e adúlteros, alguma diferença? Há quem sempre desprezou o que é santo, como há quem se dedicou a ser santo, o primeiro caso não liga a mínima de trair sua esposa, o segundo caso caiu, todavia, quer levantar-se, deseja voltar para perto de Deus. O primeiro caso vai continuar pecando, o segundo precisa ser conduzido a presença de Deus. Enfim, seja um caso, seja outro, nenhum homem pode privar seu próximo da presença de Deus.

É triste quando encontramos alguém desprovido de esperança, condenar é uma palavra tão forte, me ponho a imaginar os olhos de Jesus contemplando a humanidade, parece que para o Filho de Deus, sempre havia uma maneira de perdoar...

Parece?

Deus seja louvado.

Admin
Admin

Mensagens : 3225
Data de inscrição : 09/07/2010

http://ccbnovascriaturas.forumeiro.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Parece que para o Filho de Deus, sempre havia uma maneira de perdoar...Parece?

Mensagem por MateusAlcântara em Sex Maio 26, 2017 3:35 pm

É triste ver pessoas que caíram em adultério serem apedrejadas, ao invés de repreendidas e restauradas. Os que fazem isso não conhecerem o caráter perdoador e misericordioso de Deus.

Se Jesus nos ordena a perdoar 70x7 (que significa perdão infinito/perfeito), é porque Deus nos perdoa assim, e desse modo somos instruídos a perdoar o próximo.

Além do mais, a maioria desses que andam com pedras nas mãos não sabem diferenciar pessoas que vivem em adultério deliberadamente de pessoas que caem em adultério. Deus faz essa diferença e João deixa claro na sua epístola: quem é de Deus não anda/vive em trevas como um ímpio natural, mas pode cair em diferentes tipos de pecados, devendo confessar a Deus e abandonar.

MateusAlcântara
Membro

Mensagens : 167
Data de inscrição : 08/03/2012
Idade : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum